fbpx
25 C
Porto Velho
sexta-feira, 30 outubro 2020, 00:14
Site de apostas
Site de apostas

Traficante conhecida é presa em Humaitá com drogas levadas de Porto Velho

Policiais Militares do 4° Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Humaitá, distante 676 km de Manaus, detiveram uma dupla de mulheres na noite dessa quarta-feira (28), por tráfico de drogas no município.

De acordo com a guarnição de policiais, sob o comando do Cabo PM G. Relvas e equipe formada pelos Soldados PM’s Paulo Umbelino e Anderson Gomes durante patrulhamento de rotina por volta das 23h10, ao avistar um táxi parado em frente a um hotel situado próximo a estação rodoviária, na área central, apresentando atitude suspeita, e realizou abordagem.

No interior do veículo estavam duas mulheres e o motorista do táxi. Durante a revista pessoal, a jovem identificada como Mariane Almeida Ferreira, 20 anos, foi encontrado 2,532 kg de drogas, dos quais, 1,988 kg eram substâncias com aspecto de maconha e 544 gramas com características de pedra de cocaína. Mariane é conhecida no submundo do crime como “Gata da Pedra” em referência ao suposto comércio de entorpecente. Mariane tem varias passagens pela polícia com destaque nacional, ela foi apreendida quando menor pela Polícia Rodoviária Federal e teve grande repercussão, por causa da grande quantidade de entorpecentes. Ela é companheira do traficante cinquentão que se encontra preso na cadeia pública de Humaitá.

A polícia também encontrou com a outra suspeita, identificada por Benedita Trindade Moraes, 31 anos, cerca de 1,326 kg semelhantes à maconha.

Ainda de acordo com os policiais que atenderam a ocorrência, as mulheres detidas informaram que a droga foi trazida de Porto Velho, capital de Rondônia e que supostamente seria distribuída em localidades adjacentes à Humaitá e área do Rio Madeira via terrestre.

Diante do flagrante, presenciado pelo taxista de identidade não divulgada que serviu apenas de testemunha por não ter participação no crime, à dupla recebeu voz de prisão e em seguida foram conduzidas e apresentadas à delegacia de polícia do município de Humaitá para as providências da autoridade judiciária.

O caso foi registrado na 8ª Delegacia Interativa de Polícia de Humaitá (DIPH). As mulheres responderão pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Fonte: PM

Site de apostas

Últimas notícias: