fbpx
33 C
Porto Velho
sexta-feira, 07 agosto 2020, 19:47
Site de apostas
Site de apostas

Ataques terroristas no Brasil são piores do que em Paris

terrorismo no Brasil

Editorial, Folha Nobre – Os ataques terroristas em Paris, ocorridos numa sexta-feira 13, chamaram a atenção do mundo. Assim como a tragédia na cidade de Mariana, interior de Minas gerais, onde barragens se romperam, mataram e destruíram. Tudo isso chama a atenção, políticos lamentam, outros choram e reclamam nas redes sociais, mas o que acontece no Brasil diariamente, poucos lamentam. O terrorismo está fantasiado de palhaço animado e inserido na sociedade brasileira. A política de pão e circo é tão atual, que os imperadores do Império Romano teriam inveja de nosso país.

Imagina as milhares de pessoas que morrem pela ‘simples’ falta de segurança pública em nosso país. Os filhos inocentes de pais trabalhadores que saem e nunca mais voltam pra casa. As vítimas do tráfico de drogas, que morrem entorpecidos com a solução nunca vinda das quase inexistentes e ineficazes políticas públicas contra as drogas. Os mortos da fila de espera do SUS, que não possuem alternativa a não ser confiar na saúde imposta pelo Governo. Aqueles que morrem pela falta de medicamentos, pela falha gestão, pela negligência profissional e pela falta de punição.

O Brasil, aquele que nos orgulhamos, os caras pintadas, o abaixo a Ditadura Militar e esse da nova era vivida desde o fim da década de 90, possui as tão faladas riquezas, mas nunca possuiu os benefícios destas riquezas. A morte, a única coisa certa que o brasileiro tem na vida, vem de graça. O terrorismo está instaurado aqui, e aqueles presos da ditadura, que o fazem muito bem.

O cidadão está acostumado a ouvir falar de corrupção, uma coisa tão presente, tão local e tão normal. Atentados terroristas aos cofres públicos são constantes. Não se fala em milhares, mas sim em milhões e bilhões de reais levados em um latrocínio constante. Quem vai pagar pelas mortes?

Dinheiro do SUS, da segurança pública, da educação. É isso que nos foi arrancado. O assassinato de brasileiros que ninguém mais lamenta é o atentado terrorista em nossa nação.

O terrorismo que o brasileiro enfrenta está além dos supostos conflitos religiosos vividos na Europa ou na Ásia, mas sim no governo corrupto, dos caras pintadas, do abaixo a ditadura, que estamos vivendo. Ditadura? viva a ditadura, pois ela esta mascarada no projeto petista, no projeto criado e comandado até hoje pelo metalúrgico Luiz Inácio Lula da Silva. Esse ser, idolatrado e amado por muitos, teve em suas mãos a chance de fazer diferente, mas não, ajudou a planejar todo este saqueamento que o país vê nos principais noticiários.

A presidente Dilma Rousseff segue a risca o manual do PT. Continuar atacando os brasileiros, criminalizar trabalhadores e criar vagabundos é seu objetivo claro e transparente. Pois sabemos que o sistema sócio assistencial, o Bolsa Família, instaurado pelo PT nunca passou de um grande projeto eleitoral comunista.

Nada mata mais do que isso. A máfia petista, governista, daqueles santinhos que foram presos injustamente na Ditadura Militar, é o projeto mais destruidor do mundo.

Uma guerra não mata tanto quanto o ataque terrorista do Brasil. Esse sim é grande, mas ninguém da bola. Ataque terrorista em Paris, aí sim, esse é grave e o foco todo vira pra lá. Não discutimos a preocupação que se tem com aquele lá no exterior, mas discutimos o porquê, que ninguém fala no dia a dia dos ataques terroristas daqui, debaixo do nosso nariz.

O desastre em Mariana e esse ataque terrorista em Paris fazem bem ao Governo. Nesta época os holofotes da mídia se voltam pra lá, e a mídia fez a nossa cabeça o tempo todo e ninguém nem percebeu.

Viva ao PT, aos seus aliados e os nossos olhos vendados.

Da Redação – Folha Nobre

Site de apostas

Últimas notícias: