Home / Notícias / Norte / Rondônia / Segurança / Polícia conclui inquérito de latrocínio que ocorreu em bar de Ariquemes

Polícia conclui inquérito de latrocínio que ocorreu em bar de Ariquemes

Jeferson dos Santos é suspeito de comenter o latrocínio (Foto: Polícia Civil/ Divulgação)A Polícia Civil de Ariquemes, no Vale do Jamari, encerrou o inquérito que apura a morte de um homem que reagiu a um assalto dentro de um bar no município em julho deste ano. Segundo a polícia, as investigações apontam que Jeferson dos Santos Souza, de 23 anos, que está foragido, cometeu o latrocínio e efetuou três disparos na vítima. Um adolescente de 17 anos, que participou do crime foi apreendido.

Conforme o delegado Ricardo Rodrigues, há outras duas pessoas que estavam no veículo no momento do crime e não foram relacionadas ao caso. “Aparentemente eles alegam que não sabiam da intenção do roubo e foram ouvidos somente como testemunhas. A princípio não irão responder por algum processo”, explica.

A polícia informou que o caso foi solucionado após a equipe conseguir identificar o veículo utilizado na ação criminosa. O carro, que seria de propriedade do pai do adolescente estava na zona rural do município e, após ser localizado, chegaram até as quatro pessoas que estavam no automóvel.

Conforme Rodrigues, o adolescente e os outros dois que não tiveram participação no crime estavam em um torneio de futebol na zona rural. Eles vieram à cidade para ingerir bebidas alcoólicas e encontraram o autor dos disparos. “O suspeito convidou eles para ir até o local do crime, onde o adolescente desceu para dar apoio ao roubo e foi junto até a vítima, que reagiu e foi atingida pelo disparo”, conclui.

A Polícia Civil pede para quem tiver informações do paradeiro do suspeito, que entre em contato através dos telefones 190 da Polícia Militar ou 197 da Polícia Civil.

Latrocínio
Conforme a Polícia Militar o crime ocorreu no dia 19 de julho. O homem estava dentro do estabelecimento quando duas pessoas chegaram ao local e ordenaram que todos entregassem carteiras e celulares.

A vítima reagiu ao roubo e empurrou um dos suspeitos, que reagiu a ação e efetuou vários disparos, onde um dos tiros atingiu a cabeça da vítima, que morreu no local. Outro cliente do bar chegou a ser baleado no pé esquerdo. Os suspeitos fugiram e não levaram nada.

Fonte: G1