Rondônia - 20 de outubro de 2018
Home / Notícias / Brasil / Bumlai ganhou R$ 2 mi em sorteio e retirou em Rondônia

Bumlai ganhou R$ 2 mi em sorteio e retirou em Rondônia

jose-carlos-bumlai-200990

José Carlos Bumlai, o amigo de Lula, preso na última semana ganhou em 2012 uma bolada de R$ 2 milhões num sorteio de um título de capitalização pela loteria federal do Banco Bradesco. Preso na semana passada pela Polícia Federal dentro da Operação pela Lava Jato, o Bumlai investiu módicos R$ 1.000 no “Pé Quente Bradesco”. A sorte do empresário é vista pelos investigadores como uma operação financeira atípica.

Títulos de capitalização sequer podem ser chamados de investimento, na realidade, porque não rendem juros. Nesse tipo de operação, o comprador do título só consegue receber de volta o valor integral do que pagou se não tocar no dinheiro dentro de 24 meses. No período, só há correção monetária pela TR (Taxa Referencial).

O título de capitalização mais popular do país é a Tele Sena.

Os títulos de capitalização costumam atrair jogadores inveterados ou são empurrados por gerentes como condição para aprovar empréstimos aos correntistas.

O prêmio de Bumlai, que é amigo do ex-presidente Lula, foi pago em uma agência de Guajará-Mirim (RO). O patrimônio e os negócios dele e de sua família concentram-se em MS e SP.

Um relatório da PF mostra ainda como movimentação incomum saques de R$ 5 milhões em dinheiro vivo. Entre janeiro de 2010 e outubro de 2013, o empresário foi 37 vezes a agências do Banco do Brasil e da Caixa e saiu carregando pacotes com valores entre R$ 100 mil e R$ 265 mil.

Com informações de Brasil 247