Home / Notícias / Brasil / Apesar de cortes, caixa injeta R$ 83 milhões em times de futebol

Apesar de cortes, caixa injeta R$ 83 milhões em times de futebol

caixa_economica_federal

Contrapondo o anúncio de corte feito pela presidente Dilma Rousseff nesta segunda-feira (18), a Caixa Econômica Federal – que atravessa uma série de denúncias sobre participação nas pedaladas fiscais e na Operação Lava Jato – anunciou nesta terça-feira (19) que vai injetar R$ 83 milhões em 10 times de futebol.

Além de bancar os times que já eram patrocinados, a Caixa ampliou os gastos com dois times de Minas Gerais: Cruzeiro e Atlético Mineiro. De acordo com a presidente da CEF, Miriam Belchior, os patrocínios ao futebol integram a estratégia mercadológica do banco, fortalecendo sua marca e colaborando com a profissionalização dos processos de gestão dos clubes. “O apoio ao futebol, assim como a outras modalidades esportivas, aumenta a visibilidade da nossa marca e contribui com o desenvolvimento do esporte”.

Dos times patrocinados pelo banco, o CRV é o que ganha a menor bolado: R$ 1 milhão. A lista é seguida por Figueirense (R$ 4 milhões), Chapecoense (R$ 4 milhões), Vitória (R$ 6 milhões), Sport (R$ 6 milhões), Coritiba (R$ 6 milhões), Atlético-PR (R$ 6 milhões), Cruzeiro (R$ 12,5 milhões), Atlético-MG (R$ 12,5 milhões) e Flamengo (R$ 25 milhões). O Corinthians ainda negocia  o patrocínio com a CEF.

Fonte: Diário do Poder