Home / Notícias / Brasil / Câmara torra R$ 118 milhões do contribuinte com apartamentos

Câmara torra R$ 118 milhões do contribuinte com apartamentos

Integrantes da Frente Nacional de Luta (FNL) estão acampados no canteiro central da Esplanada dos Ministérios. Foto: André Corrêa/Agência Senado
Integrantes da Frente Nacional de Luta (FNL) estão acampados no canteiro central da Esplanada dos Ministérios.
Foto: André Corrêa/Agência Senado

A reforma de 432 apartamentos destinados aos deputados federais já sugou R$ 118 milhões dos cofres públicos. Cada unidade custa, em média, R$ 2,5 milhões, mas a reforma ficou em R$ 725 mil. Os primeiros contratos foram firmados em 2007, mas as obras somente deslancharam após a eleição de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para presidente da Câmara, em 2015. Ele prometeu acelerar as reformas.

Serão gastos R$ 310 milhões para a reforma de 18 blocos. Cada imóvel receberá mobiliário e eletrodomésticos pagos pelo contribuinte.

A Câmara alega que haverá diminuição do gasto com o auxílio-moradia pago aos deputados. São R$ 4.253 por mês para cada um.

Cada apartamento pode chegar a 200 metros, no coração de Brasília, e por isso todos são muito valorizados.

Fonte: Diário do Poder