Rondônia - 27 de maio de 2017
Home / Notícias / Religião / Estudos de Provérbios / Provérbios 2:4 – Se buscares a sabedoria como a prata e como a tesouros escondidos a procurares.

Provérbios 2:4 – Se buscares a sabedoria como a prata e como a tesouros escondidos a procurares.

Os homens correm atrás da prata e dos tesouros escondidos com corações excitados e nisto empreendem grandes esforços e despesas e o nosso sábio Pregador avisa que só com esse tipo de desejo e de trabalho é que se encontrará a sabedoria de Deus. Se não tivermos o mesmo zelo e diligência, não obteremos o conhecimento do Senhor.

Uma curta leitura a respeito do misterioso “Money Pit” (galeria do dinheiro) de “Oak Island” na Nova Scotia revelará o caráter dos homens e de tesouros escondidos. Seis vidas e milhões de dólares foram perdidos num esforço para encontrar o tesouro que se presume esteja escondido no fundo de uma engenhosa galeria de uma mina.

Mas Davi e Salomão nos dizem que a sabedoria de Deus existe e que nós precisamos buscá-la, obtê-la, pois ela vale mais do que todas as riquezas (Pv 4:7; Pv 16:16; Sl 19:10). e são mais doces do que o mel e o destilar dos favos (Sl 119:14, 72 e 127).

Jesus disse que o reino de Deus é a grande prioridade da vida (Mt 6:33). e Ele a ilustrou falando de homens que venderam tudo que tinham para comprar um campo ou uma grande pérola (Mt 13:44-46). O que é que você vendeu?

A sabedoria não vai cair do céu no seu colo, pois se isso fosse a realidade as pessoas erradas conseguiriam obtê-la. A sabedoria é uma recompensa para aqueles que pedem por ela e trabalham para obtê-la. O nosso Deus zeloso e ciumento pode dar suas riquezas por esforços, esporádicos, preguiçosos e de pouco empenho; mas Ele recompensará os que com zelo a buscam (Jr 29:13).

Considere os ministros. Eles precisam estudar com a mesma intensidade como aqueles que trabalham (IITm 2:15); eles precisam se entregar totalmente à leitura, exortação e a doutrina (IITm,4:13-16); e precisam fazer isso enquanto sofrem as dificuldades como os soldados que não têm nenhum comprometimento com o mundo (IITm 2:3-4).

Considere os santos. Eles precisam usá-la ou perde-la conforme Paulo falou aos Hebreus (Hb 5:12-14). Se não prestarem atenção à pregação, eles perderão tudo (Lc 8:18). Os Bereanos eram nobres por uma razão (At 17:11), aos quais devemos seguir nas nossas próprias buscas (ITs 5:21).

Querido amigo, você lê a Palavra de Deus? Você a lê com paixão e esforço? Você a estuda? Você anseia em ouvi-la sendo ensinada? Você medita nelas dia e noite? Você fala a respeito dela com outros? Você desiste de prazeres por causa dela? Você adquire ferramentas para ajudá-lo?

A maioria dos homens não se esforça e, por isso, eles vivem e morrem tolos. Só alguns estão dispostos assim como Esdras (Ed 7:6): poucos são aqueles como as árvores frutíferas de Salmos (Sl 1:1-3). Poucos a reterão e meditarão nela e a obedecerão de forma a ter a sabedoria como Eliú e Davi (Sl 119:98-100).

O nosso Senhor buscava a Deus durante as noites nas montanhas (Lc 6:12). Enquanto outros dormiam, Ele procurava pelo tesouro dos favores de Deus, com lágrimas e suor de sangue (Lc 22:39-46).

Comente pelo Facebook

comentários