Destaque
Home / Notícias / Brasil / Agente da Receita Federal envolvido em contratos com prefeitura vai ser monitorado por tornozeleira

Agente da Receita Federal envolvido em contratos com prefeitura vai ser monitorado por tornozeleira

Agente da Receita Federal envolvido em contratos com prefeitura vai ser monitorado por tornozeleira

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), em Porto Alegre (RS), concedeu liberdade provisória ao agente da Receita Federal Luiz Antônio Pereira nesta quinta-feira (5).

O fiscal foi preso preventivamente no dia 15 de dezembro de 2016, durante a 5ª fase da Operação Pecúlio.

Luiz Antônio Pereira deverá ser monitorado por uma tornozeleira eletrônica e não poderá ter contato com pessoas ligadas à prefeitura.

Na justificativa, o desembargador Luiz Fernando Penteado concedeu liberdade provisória ao analista por conta de problemas de saúde.

A defesa de Luiz Antônio alega que não existem provas de nenhum pagamento ou de que valores tenham sido oferecidos a vereadores de Foz do Iguaçu.

O advogado disse ainda que o auditor não é sócio das empresas citadas.

Comente pelo Facebook

comentários