Rondônia - 28 de maio de 2017
Home / Notícias / Religião / Estudos de Provérbios / Provérbios 10:30 – O justo nunca será abalado, mas os ímpios não habitarão a terra

Provérbios 10:30 – O justo nunca será abalado, mas os ímpios não habitarão a terra

A Bíblia não é redundante! Apesar de repetir suas promessas e avisos várias vezes, a Bíblia não é excessiva, supérflua ou esbanjadora ao confrontá-lo com verdades idênticas várias vezes. O Deus dos céus não desperdiça palavras! Uma das lições mais importantes de toda a Bíblia é repetida várias vezes no livro de Provérbios – os justos serão abençoados e os perversos serão amaldiçoados. A questão é o que você fará com a sabedoria.

Do princípio ao fim, a Bíblia descreve a vida abençoada dos justos. Eles são homens e mulheres que teme e amam a Deus, confiam e obedecem à Sua palavra a cada decisão de suas vidas, e despreza e rejeita os estilos de vidas falsas e enganosas do mundo à sua volta. Considere Abraão, Isaque, Jacó, José, Moisés, Rute, Davi, Ester e outros do Velho Testamento. Considere Zacarias, Maria, Simeão, Ana, Lucas e Gaio no Novo Testamento.

Num contraste total, a Bíblia também descreve as vidas amaldiçoadas dos perversos. Eles são homens e mulheres que temeram a homens e amaram o dinheiro, que confiaram e obedeceram as idéias do mundo, e desprezaram e rejeitaram a sabedoria de Deus oferecida a eles na criação e na Palavra de Deus. Considere Caim, Ninrode, Ló, a mulher de Ló, Ismael, Esaú, Ruben, Sansão, Saul, Jezabel e outros no Velho Testamento. Considere Herodes, Pilatos, Judas Escariotes, Safira e Demas no Novo Testamento.

Se o seu sucesso ou sofrimento futuro neste mundo e no próximo está em jogo, quantas vezes você deve ser avisado e com que nível de som você deve ser alertado? Bem cedo e com bastante antecedência Deus enviou os Seus profetas para alertarem o Seu povo dos seus pecados (IICr 36:15-16; Jr 7:25). E Ele ordenou que isto fosse anunciado bem alto (Is 40:9; Is 58:1)! Você nunca vai poder culpar a Deus; mas você terá condições de culpar a si mesmo por rejeitar os diversos avisos (Pv 5:7-14).

Um estilo de vida perversa encurtará a sua vida, e o condenará por toda a eternidade. Onde estão Hitler, Alexandre, Mussolini, Darwin, Franz Josef, Mao, Nietzsche, Freud, Gengis Khan e outros incontáveis (Sl 52:5)? E o que dirá Jesus no grande Dia do Julgamento (Mt 25:41)?

Uma vida justa estenderá a sua vida e ela será abençoada por toda a eternidade. São estas as gloriosas bênçãos que Salomão repetiu vezes após vezes como uma motivação para escolher a piedade e a sabedoria ao invés da perversidade. Considere apenas alguns exemplos (Pv 10:6,16,24-25,27-29; 11:3,5-8,18-21,31; 12:2-3,7,21; 13:6,9,15,21-22,25). Se você quer aprender a sabedoria dos provérbios do rei Salomão, então lance mão dos seus avisos mais comuns através deste provérbio de hoje!

Talvez você esteja perguntando, “O que dizer dos justos mártires? Eles eram justos e foram cortados cedo na vida e morreram horrivelmente de formas dolorosas.” Sua mente é pequena demais! O Deus abençoado tem incontáveis fatores adicionais envolvendo cada vida que você só consegue enxergar com a sua visão e inteligência limitada. Seria de bom alvitre se compreendêssemos o provérbio da seguinte forma,

“O justo nunca será removido; eles viverão felizes, por muito tempo na terra, quando Deus considera isto o melhor para eles e eles viverão eternamente no céu. Mas os perversos não habitarão a terra; eles nem terão uma vida calma e longa na terra, a não ser que Deus pretenda que dessa forma eles vivam com maldição e dificuldades; e eles nunca verão o céu.”

Reiteramos, a Bíblia não é redundante! Apesar de repetir suas promessas e avisos várias vezes, a Bíblia não é excessiva, supérflua ou esbanjadora ao confrontá-lo com verdades idênticas várias vezes. O Deus dos céus não desperdiça palavras! Mas, pare e pense, quantos leram os seus avisos repetidos e quão poucos mudaram as suas vidas para agradar a Ele e obter as Suas bênçãos! Leitor, o que você fará? Você será um tolo e dirá, “Eu já ouvi isto antes”? A escolha é sua! Mas é o Deus abençoado quem vai rir por último (Sl 59:5-8)!

Comente pelo Facebook

comentários