Rondônia - 21 de Abril de 2018
Home / Notícias / Nova perícia acusa tripulação por acidente da Air France

Nova perícia acusa tripulação por acidente da Air France

Uma nova perícia judiciária responsabiliza a tripulação do avião da Air France pela queda, há oito anos, no trajeto Rio-Paris, que matou 228 passageiros e e os tripulantes, registra a Folha.

“Em suas conclusões, às quais a AFP teve acesso, os especialistas estabelecem como ‘causa direta’ do acidente a ‘perda de controle’ da aeronave, que ‘resultou em ações inadequadas em pilotagem manual’ da tripulação.

‘A pilotagem manual foi imposta pelo desligamento do piloto automático, consecutivo ao congelamento das sondas [Pitot]’, acrescentaram. Este congelamento das sondas é o ponto de partida da catástrofe e um elemento-chave do inquérito porque teria levado a uma incoerência nas medições de velocidade do Airbus A330.

Nas ‘causas indiretas’, eles listam, sobretudo, uma ‘insuficiência de treinamento da tripulação na pilotagem de altitude elevada’, falta de formação e ausência inicial do comandante de bordo. Nas conclusões, a única acusação à Airbus é ‘a ambiguidade na ordenação do procedimento Stall’ (alarme de queda) na documentação tanto da fabricante, quanto da Air France.”

“Nós nos sentimos enojados de indignação”, reagiu Danièle Lamy, presidente da associação das vítimas Ajuda mútua e Solidariedade AF447, ouvida pela AFP.

noticias doidas