Rondônia - 25 de setembro de 2018
Home / Notícias / Bandidos matando bandidos

Bandidos matando bandidos

A polícia acredita que a cúpula do PCC ordenou o assassinato de todos os participantes da execução de Rogério Jeremias de Simone (o Gegê do Mangue), de 41 anos, que era o número 1 da facção criminosa em liberdade, e seu comparsa Fabiano Alves de Souza (o Paca), de 38, segundo o Estadão.

Três executores já teriam sido eliminados:

– Wagner Ferreira da Silva (o Waguininho ou Cabelo Duro), de 32 anos, que era o chefe da facção na Baixada Santista, foi morto a tiros de fuzis na frente de um hotel na zona leste de São Paulo;

– André Oliveira Macedo (o André do Rap), foi executado ontem;

– e Nado.

Dois outros estariam condenados à morte pela facção.

Segundo a inteligência policial, o grupo de presos ligados a Gegê e Paca acredita que Cabelo Duro ou Gilberto Aparecido dos Santos, o Fuminho, deram a ordem para matar os dois com a anuência de Marcola e de Daniel Vinícius Canônico, o Cego, outro líder do PCC.

Ou seja: “as mortes podem começar uma guerra dentro da facção”.

Pelo visto, já começou.

Morte de chefão do PCC é “duro golpe na facção”