São Paulo empata com a Ferroviária pelo Campeonato Paulista – SPFC

O Tricolor criou diversas oportunidades para derrotar a Ferroviária na tarde deste domingo (25), no Morumbi, mas em tarde inspirada do goleiro adversário, o duelo válido pela nona rodada do Campeonato Paulista terminou empatado sem gols.

3389

Com o resultado, o São Paulo somou um ponto e agora detém 11, no Grupo B. Na noite da próxima quarta-feira (28), o time são-paulino fará uma pausa na disputa do estadual para entrar em campo pela Copa do Brasil: receberá o CRB-AL, às 19h30, para o duelo de ida da terceira fase. 

3235

Para encarar o clube de Araraquara, o técnico Dorival Júnior contou com a volta do capitão Petros, que cumpriu suspensão. Apesar da boa notícia, a equipe não teve Reinaldo (suspenso pelo terceiro amarelo), Jucilei (contratura na coxa direita), Anderson Martins (mialgia na região dorsal) e Morato (aprimora forma física após cirurgia no ligamento do joelho).

3266

Assim, com Arboleda e Valdívia entre as novidades, o Tricolor foi escalado com Sidão; Éder Militão, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Hudson, Petros e Cueva; Marcos Guilherme, Diego Souza e Valdívia. Já o adversário atuou com Tadeu; Alisson, Patrick, Luan e Velicka; Bruno Silva, Moacir e Íkaro; Hygor, Leo Castro e Welinton Júnior.

3242

No primeiro tempo, o São Paulo criou mais oportunidades e por pouco não abriu o placar antes do intervalo. Em busca do gol, a equipe tentou acionar Diego Souza, mas esbarrou no sistema defensivo adversário, que conteve as descidas dos mandantes. O próprio camisa 9, em cobrança de falta, exigiu uma grande intervenção do goleiro Tadeu, que espalmou. Além do centroavante, Cueva e Marcos Guilherme também levaram perigo, mas ficaram no quase.

3263

Na volta para a segunda etapa, o Tricolor tentou acuar os visitantes, mas não conseguia concretizar as investidas. Então, o técnico Dorival Júnior promoveu alterações no decorrer da partida: Tréllez, aos dez minutos, Nene, aos 16, e o jovem Paulinho, aos 20, entraram nos lugares de Diego Souza, Valdívia e Marcos Guilherme, respectivamente.

3793

Os jogadores que entraram criaram boas chances na frente e deram mais ofensividade ao time, que cresceu de produção e armou uma verdadeira blitz para cima da Ferroviária. O bombardeio são-paulino parou no arqueiro Tadeu, que em tarde inspirada praticou defesas difíceis e impediu que o Tricolor balançasse as redes. Assim, o duelo terminou empatado sem gols: 0 a 0.

3704