Rondônia - 22 de setembro de 2018
Home / Notícias / Polícia / PRF recupera veículo furtado antes mesmo do dono saber e envolvido tem tatuagem alusiva a confronto com policiais

PRF recupera veículo furtado antes mesmo do dono saber e envolvido tem tatuagem alusiva a confronto com policiais


PRF recupera veículo furtado antes mesmo do dono saber e envolvido tem tatuagem alusiva a confronto com policiais

No final da manhã de sexta-feira, 09 de março, uma equipe da PRF, no Capey, em Ponta Porã/MS, abordou na BR-463 no km 68, um Chevrolet/S10 e um Fiat/Pálio, ambos com placas de Ourinhos/SP.

Dentro da S10 estava um homem, de 36 anos, que ao ser abordado disse não possuir CNH. No Pálio haviam 02 homens, o condutor de 39 anos e o passageiro de 32, que tinha a perna enfaixada.

Ao serem indagados sobre se conhecerem, visto que os dois veículos são da mesma cidade e estavam viajando próximos um do outro, o condutor da S10 disse que não sabia o caminho até a fronteira e que o Palio estava à sua frente para indicar a rota.

Os policiais então fizeram a checagem nos sistemas policiais e verificaram que os 03 indivíduos tinham passagem pela polícia, sendo que o motorista do PALIO tinha, em seu desfavor, um mandado de prisão por roubo.

A equipe suspeitando da ação dos indivíduos, entrou em contato com o proprietário da S10, que é dono de uma empresa alimentícia e ao ser questionado sobre o seu veículo disse que possuía muitos carros e que iria verificar onde estaria a caminhonete. Pouco tempo depois, o proprietário, que mora no estado de São Paulo, informou aos policiais que seu veículo havia sido furtado e que não sabia até o presente momento.

Foi orientado a registrar um boletim de ocorrência de furto. Com este procedimento, os policias prenderam os 03 indivíduos, em flagrante, por furto, cumprimento de mandado de prisão e o passageiro do Palio pelo envolvimento no crime devido serviço de “batedor”.

A perna enfaixada do passageiro que ele alegou estar quebrada, não havia lesão alguma. Havia, na verdade, uma tatuagem de “palhaço”, o que comumente no mundo do crime faz alusão ao enfrentamento, confronto e morte de policiais.

Diante dos fatos e evidências, os 03 homens foram encaminhados juntamente com os automóveis para a Polícia Civil de Ponta Porã/MS.