Rondônia - 24 de Abril de 2018
Home / Notícias / Nordeste / Rio Grande do Norte / Dupla suspeita de participação no latrocínio de empresário potiguar é presa

Dupla suspeita de participação no latrocínio de empresário potiguar é presa

Publicidade x fechar anúncio imagem15-04-2018-23-04-11

Apresentou-se na manhã desse sábado (14), Isabel Ismara Pinheiro da Silva, 18 anos, ela tem um mandado de prisão preventiva decretada pelo Juízo da Comarca Extremoz, por ter participado do latrocínio em que foi vítima o empresário Lourenço Salvino da Silva, 51 anos. Em seu depoimento, Isabel negou que soubesse da intenção dos outros participantes em roubar e matar o empresário. Para ela, Lourenço iria a uma casa na praia de Santa Rita, para encontrar-se com uma adolescente (já apreendida), com quem ele mantinha um relacionamento. Em entrevista, ela afirmou que a adolescente e ela já estavam na casa quando os outros dois rapazes que também participaram do crime, chegaram. Disse também que foi responsável pela venda do telefone celular da vítima, o que rendeu R$ 350 reais, dos quais R$ 100 reais ficaram com ela.  Isabel afirmou que resolveu entregar-se a polícia, após tomar ciência de que seu nome estaria envolvido no caso.

PRISÃO DE JOÃO PAULO

A Polícia Militar de São Gonçalo do Amarante prendeu na tarde deste sábado (14), João Paulo Amorim Tobias da Silva, 22 anos, ele também tinha um mandado de prisão preventiva pela morte do empresário Lourenço Salvino da Silva, 51 anos. Ao contrário do que foi afirmado por Isabel Ismara, João Paulo disse que já estava na casa quando Lourenço chegou ao local. João Paulo informou a polícia que houve uma luta corporal com o empresário, o que resultou em uma facada na vítima. Ele confessou que foi o responsável por enterrar o corpo, bem como retirar o carro de Lourenço do local. Disse também que na carteira do empresário, havia uma quantia de mil reais, o que foi dividido entre os participantes da ação criminosa.

 

noticias doidas