Rondônia - 17 de outubro de 2018
Home / Notícias / Esportes / Palmeiras / Caso Scarpa: decisão é adiada para 26 de abril | Palmeiras

Caso Scarpa: decisão é adiada para 26 de abril | Palmeiras

Terminou sem acordo a audiência entre Gustavo Scarpa e Fluminense ocorrida na manhã de segunda-feira na 70ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro.

A juíza Dalva Macedo deu 10 dias para que as partes se manifestem com as razões finais do processo. Os advogados do jogador tentaram obter uma nova liminar para que ele pudesse voltar a exercer a profissão, mas o pedido foi negado.

As informações são do repórter Felipe Siqueira, do Globo Esporte.

Gustavo Scarpa acionou a Justiça do Trabalho em dezembro pedindo a rescisão do contrato com o Fluminense por causa de uma dívida trabalhista que superou R$ 9 milhões; antes dele conseguir uma liminar, em janeiro, a equipe carioca quitou parte do que devia, mesmo assim ele conseguiu se desvincular e assinou um contrato de 5 temporadas com o Palmeiras. Em 15/03, porém, o TRT-RJ cassou a liminar, impossibilitando o meia de atuar.

Agora o novo prazo para uma definição é 26/04. Até lá Scarpa seguirá sem poder treinar na Academia de Futebol. Os advogados do atleta confiam numa decisão favorável. Se isso não acontecer, uma das alternativas será o Verdão negociar um acordo com o Fluminense.