Rondônia - 17 de outubro de 2018
Home / Notícias / Esportes / Corinthians / Quase um mês após bloqueio de contas, Corinthians quita dívida por zagueiro emprestado

Quase um mês após bloqueio de contas, Corinthians quita dívida por zagueiro emprestado

900
visualizações

7 comentários


Comunicar erro

Formado na base do Corinthians, o zagueiro Vinícius Del

Formado na base do Corinthians, o zagueiro Vinícius Del’Amore está emprestado ao Londrina

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O Corinthians enfim acertou a dívida pela aquisição do zagueiro Vinícius Del’Amore, que está emprestado ao Londrina. O clube teve R$ 102 mil bloqueados de suas contas pela Justiça de São Paulo, no último mês de março, devido a um débito com o Atlético Monte Azul-SP pela compra do jogador.

De acordo com o portal Uol Esporte, o Corinthians repassou uma quantia de R$ 135 mil a Justiça para acertar a situação. “Foi feito o pagamento após o bloqueio que sofreu. Foi encerrado com esse pagamento. Foi resolvido dessa maneira, como não pagou como previsto, pagou no processo”, justificou Diógenes Melo, advogado do Corinthians.

Corinthians e Monte Azul fecharam negócio por Del’Amore em fevereiro de 2017, logo após o defensor se destacar pela equipe Sub-20 alvinegra na Copa São Paulo de Futebol Júnior – quando o Timão conquistou seu último título no torneio. Durante a disputa da Copinha, como adiantado pelo Meu Timão na ocasião, o zagueiro não pertencia ao Corinthians.

Leia também: Dupla de reforços registra primeiro dia no CT do Corinthians em rede social; veja

Os direitos do jogador estavam ligados ao Monte Azul, equipe utilizada pela Thinkball, empresa que representa o zagueiro, para registro de jogadores. Para que o atleta não perdesse o período de inscrições do torneio, Timão e representantes do jogador, optaram por um contrato de empréstimo, que duraria só até dezembro.

Para garantir a compra de Del’Amore, o Corinthians deveria ter quitado R$ 100 mil em cinco parcelas, mas não o fez. Com isso, a empresa abriu uma ação na Justiça para receber tal valor, que gerou o bloqueio das contas corinthianas. A determinação foi realizada pela juíza Mariana Dalla Bernardina.

Emprestado ao Londrina até o fim desta temporada, Del’Amore tem contrato com o Corinthians válido por três temporadas, até o fim de 2019.

Veja mais em:
Jogadores emprestados.