Rondônia - 26 de Maio de 2018
Home / Notícias / Nordeste / Maranhão / Governo divulga editais de apoio a juventude para mais de 14 mil jovens – Maranhão

Governo divulga editais de apoio a juventude para mais de 14 mil jovens – Maranhão

imagem26-04-2018-01-04-46

imagem26-04-2018-01-04-47

Apresentação dos editais aconteceu em 23 municípios das várias regiões do estado. (Foto: Divulgação)

Mais de 14 mil jovens tiveram a oportunidade de conhecer e saber como participar dos editais de apoio a pesquisa e extensão no Ensino Médio, promovidos pelo Governo do Estado, através da parceria entre as secretarias de Estado da Juventude (Seejuv), da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), da Educação (Seduc) e da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema). A itinerância de apresentação dos editais Geração Ciência, Juventude com Ciência e Com Ciência Cultural, realizada pela equipe da Seejuv, percorreu mais de 5 mil km em três semanas e apresentou os editais em 23 municípios das várias regiões do estado.

Iniciada no dia 2 de abril, a itinerância teve como objetivo divulgar de forma mais efetiva os editais e assim possibilitar a ampliação da participação de jovens maranhenses nas iniciativas que são direcionadas, exclusivamente, a estudantes das escolas de Ensino Médio da rede pública do estado.

Ao todo, as equipes da Seejuv visitaram 55 escolas públicas de São Luís, São José de Ribamar, Imperatriz, Açailândia, Bom Jesus das Selvas, Buriticupu, Santa Inês, Igarapé do Meio, Bom Jardim, São Mateus do Maranhão, Timon, Caxias, São João do Sóter, Codó, Coroatá, Vargem Grande, Rosário, Bacabeira, Chapadinha, Grajaú, São Bernardo, Barreirinhas e Bacabal.

Com média de mais de 200 jovens por escola, as apresentações foram oportunidades dos estudantes, professores e gestores escolares conhecerem os editais e tirarem dúvidas sobre a participação, construção e inscrição dos projetos. As equipes da Seejuv também apresentaram os mais de 30 programas e projetos desenvolvidos para a juventude pelo Governo do Estado desde o início da gestão.

Coordenando a apresentação dos editais em 18 municípios, a secretária de Juventude, Tatiana Pereira, ressaltou a relevância do processo de itinerância de divulgação dos editais para estudantes nos próprios ambientes escolares.

“O principal significado desse processo é a proximidade que o Governo proporciona com os jovens maranhenses, indo até eles nas escolas, apresentando e conversando sobre as mais de 30 ações desenvolvidas pela gestão estadual para a juventude. Essa proximidade é inédita e é um diferencial e uma marca do Governo Flávio Dino, que vai até os jovens e lhes apresenta as políticas públicas direcionadas a eles, para que conhecendo melhor, possam ter mais acesso a essas políticas. Isso é garantir, de fato, que as políticas públicas cheguem a todos os jovens”, comentou.

Tatiana destacou ainda a importância dos editais Geração Ciência, Juventude com Ciência e Com Ciência Cultural, que ampliam o leque de incentivos do Governo para a educação pública e oportunizam o ineditismo de proporcionar pesquisa e extensão no Ensino Médio.

“De forma inovadora, estamos apoiando e financiando projetos de pesquisa, extensão e culturais no Ensino Médio com editais, que juntos tem investimento de mais de 2 milhões de reais. O edital Geração Ciência, por exemplo, esse ano conseguimos ampliar o valor dos recursos para um milhão duzentos e trinta e cinco mil reais, investidos em pesquisa nas escolas públicas do estado. Algo que é inédito no Maranhão e no Brasil, e que tem sido inclusive referência para outros estados”, finalizou.

As apresentações dos editais despertaram a atenção, o interesse e a empolgação de todos os estudantes das escolas por onde a itinerância passou. Em Açailândia, a estudante Rebeca Costa, do Centro de Ensino Antônio Carlos Beckman, disse sentir-se feliz com a ida da Seejuv para divulgar os editais na sua escola e mais ainda pela oportunidade de conhecer projetos que podem ajudar a realizar seus sonhos.

“Fiquei muito feliz pela presença da equipe da Seejuv aqui na nossa escola, e gostei mais ainda de conhecer esses editais. Eu tenho uma paixão pela questão tecnológica e os editais vão ajudar a realizar meu sonho de participar de um projeto nessa área. Espero que todas as escolas do estado sejam incentivadas a participar, porque assim o Maranhão pode se destacar a nível nacional e até internacional”, comentou.

O estudante Jandean Silva, de 16 anos, disse que os recursos disponibilizados pelos editais apresentados é uma grande novidade que vai ajudar a financiar os projetos idealizados pelos alunos, que antes tinham que encontrar outras formas de custear suas ideias para colocá-las em prática.

“Antes nós tínhamos que nos virar, vendendo rifas, fazendo eventos para juntar dinheiro para custear algum projeto na escola e agora ficamos muito felizes em saber que o Governo vai financiar os projetos e ainda vai nos dar bolsas de incentivo”, comemorou.

Já em Timon, a equipe da Seejuv ouviu o relato de estudantes e professores que já são bolsistas do edital Geração Ciência e com o incentivo estão desenvolvendo pesquisa nas suas escolas, como é o caso da professora do IEMA, Rosângela Duarte. “Com o recurso destinado a investir no desenvolvimento da pesquisa, compramos notbooks e impressora para ajudar na execução do projeto na escola, além de um tablete para cada aluno que participa do projeto, para facilitar o trabalho deles durante a pesquisa”, disse.

Geração Ciência

O edital visa apoiar projetos de pesquisa científica e tecnológica para alunos do Ensino Médio, Técnico, EJA e Programa de Educação Indígena, bem como incentivar o envolvimento de professores da rede pública de ensino com o sistema de Ciência e Tecnologia, por meio de bolsas de incentivo a pesquisa e a iniciação científica.

O valor total dos recursos financeiros disponibilizados é de R$ 1.235.000, por meio da linha de ação ‘Mais Ciência’ e no âmbito do programa ‘Mais Inclusão’. O valor máximo de cada projeto, que tem duração de um ano, é de R$ 16 mil, sendo R$ 4 mil do valor máximo da proposta para despesas de auxílio (custeio e capital) e o restante para o pagamento de bolsas (sendo 1 professor/proponente e no mínimo 2 e no máximo 4 estudantes). Cada estudante recebe uma bolsa mensal de R$150 e o professor, uma bolsa de R$400 por mês, durante os 12 meses de execução do projeto.

Para inscrever-se e submeter o projeto, o professor/proponente deve fazer seu cadastro no Sistema Patronage (www.fapema.br/patronage). As inscrições podem ser feitas até o dia 28 de abril e a divulgação das propostas aprovadas será feita no dia 23 de junho.

Juventude com Ciência

O edital contribui para a formação de estudantes vinculados às instituições da rede pública, por meio da mobilidade para o desenvolvimento de projetos de caráter extensionista que contribuam para a melhoria dos indicadores sociais do Maranhão, através da criação de caravanas que levem estudantes do Ensino Médio para realizar atividades de extensão escolar nos municípios inseridos no plano Mais IDH do Governo do Estado.

Os recursos financeiros destinados ao edital são de R$200 mil, por meio da linha de ação ‘Popularização da Ciência’ e no âmbito do programa ‘Mais Divulgação’. O valor máximo de cada projeto é de até R$ 6 mil – sendo R$ 4.200 mil em auxílio para o desenvolvimento dos projetos de extensão e R$ 1.800 mil para pagamento de bolsas. Cada projeto terá a inclusão de até dois professores e no mínimo 6 e máximo 8 alunos. Cada professor receberá uma bolsa de R$ 400 e para cada aluno, será paga uma bolsa de R$ 150, todas em parcela única para custeio das despesas durante o período de realização das ações no município beneficiado pelo edital.

Para inscrever-se e submeter o projeto, o professor/proponente deve fazer seu cadastro no Sistema Patronage (www.fapema.br/patronage). As inscrições podem ser feitas até o dia 30 de abril e a divulgação das propostas aprovadas será feita no dia 6 de julho.

Com Ciência Cultural

O edital tem como objetivo apoiar projetos que contribuam para a integração entre escolas e iniciativas culturais atuantes nas comunidades, incentivando a realização de projetos artísticos e culturais, de maneira a contribuir na formação de sujeitos de cidadania ativa.

Entende-se por Iniciativa Cultural, de caráter pedagógico, pessoas físicas ou jurídicas, grupos artísticos formais ou informais, coletivos culturais que trabalhem com artes visuais, circo, culturas indígenas, culturas populares, cultura digital, dança, leitura, moda, música, teatro, entre outras. Os recursos financeiros destinados ao edital são de R$ 400 mil, por meio da linha de ação ‘Popularização da Ciência’ e do Programa ‘Mais Cultura’. O prazo de execução das propostas será de no mínimo seis e no máximo 10 meses. O valor máximo de cada projeto é de até R$ 15 mil.

Para inscrever-se e submeter o projeto, o professor/proponente deve fazer seu cadastro no Sistema Patronage (www.fapema.br/patronage). As inscrições podem ser feitas até o dia 2 de maio e a divulgação das propostas aprovadas será feita no dia 13 de julho.

Comentários

Comentários