Rondônia - 15 de outubro de 2018
Home / Notícias / Comissão de Ética adverte Carlos Marun

Comissão de Ética adverte Carlos Marun

Carlos Marun, o bom companheiro de Michel Temer, foi advertido pela Comissão de Ética Pública da Presidência por declaração dada no ano passado sobre governadores, informou o Jornal Nacional.

Em dezembro, o responsável pela articulação política de Temer deu entrevista sobre a reforma da Previdência e disse esperar “reciprocidade” dos governadores que queriam financiamentos.

“O governo espera [daqueles] governadores que têm recursos a serem liberados (…), como de resto de todos os agentes públicos, uma reciprocidade no que tange a questão da Previdência”, declarou Marun.

Para Luiz Navarro, o presidente da comissão, a fala de Marun “não inspira a confiança do público”. “Passa a imagem (…) de que, se não votar com o governo, não conseguirá empréstimos.”