Rondônia - 15 de agosto de 2018
Home / Notícias / Sudeste / São Paulo / Instituto Biológico promove colheita de café no centro da capital paulista | São Paulo

Instituto Biológico promove colheita de café no centro da capital paulista | São Paulo

Na próxima quinta-feira (24), em celebração ao Dia Nacional do Café, o Instituto Biológico (IB) promoverá uma atividade de colheita de café aberta para toda a população na capital paulista. A partir das 10h, o tradicional “Sabor da Colheita” permitirá que os visitantes se paramentem com chapéu, peneira e balaio para realizar a retirada dos grãos.

A 13º edição do evento acontecerá em um dos maiores cafezais urbanos do país, localizado dentro do Instituto. O órgão, vinculado à Secretaria de Estado de Agricultura e Abastecimento, conta com 2 mil pés no coração da cidade São Paulo.

A ideia da colheita é vivenciar uma atividade realizada por muito agricultores brasileiros e, sem dúvida, relembrar a principal prática econômica do Estado durante os séculos 19 e 20.

“O público terá a oportunidade de vivenciar uma experiência única do trabalho que há décadas movimenta a economia paulista. Todo o processo será orientado por especialistas para que seja feita a colheita seletiva, com a retirada dos grãos bem maduros”, explica Antonio Batista Filho, diretor-geral do IB.

Após a colheita, os participantes poderão aproveitar para apreciar o café, bem como provar comidas típicas caipiras, como broa de milho e canjica. Ainda, parte dos grãos colhidos será beneficiada, torrada e encaminhada ao Fundo Social de Solidariedade do Estado de São Paulo (Fussesp), que distribuirá a entidades assistenciais do Estado.

Vale ressaltar que o Brasil é o segundo maior consumidor de café do mundo, atrás apenas dos Estado Unidos. Para o secretário de Agricultura e Abastecimento, Francisco Jardim, essa paixão nacional gera muitas riquezas para São Paulo e para o país.

“Nossos Institutos de pesquisa têm uma forte ligação histórica com a cultura e contribuem muito para o sucesso da cafeicultura brasileira. O ‘Sabor da Colheita’ já é um evento tradicional na cidade de São Paulo que aproxima nossas unidades de pesquisa da população”, afirma Francisco Jardim, secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

Cafezal Urbano

O Instituto Biológico possui uma área de 10 mil m² destinados à plantação de café. Localizada no bairro da Vila Mariana, na capital paulista, o cafezal foi formado na década de 1950 para servir de material de pesquisas para técnicos do IB estudarem o controle de pragas agrícolas.

“Atualmente, a maior finalidade é didática, histórica e cultural, destinando-se à população que quer conhecer sua história e outras particularidades, como demonstração dos princípios das boas práticas agrícolas”, explica o a pesquisadora da entidade, Harumi Hojo.

O cafezal é composto pelas variedades Mundo Novo e Catuaí, desenvolvidas pelo Instituto Agronômico (IAC-APTA), presentes em 90% do parque cafeeiro brasileiro. Cerca de mil estudantes, pesquisadores e estrangeiros já visitaram a atração do Instituto de pesquisa paulista.