Rondônia - 22 de outubro de 2018
Home / Notícias / Esportes / Palmeiras / Notas de Palmeiras 1 x 1 Flamengo | Palmeiras

Notas de Palmeiras 1 x 1 Flamengo | Palmeiras

Jailson: zero
Voltou a falhar no gol e ainda foi expulso, deixando o time na mão quando já tinha feito as três alterações. Sorte que o juiz encerrou logo o jogo. Pena ter saído do time assim.

Marcos Rocha: 4,0
Muito inseguro na marcação, e pouco objetivo no apoio.

Thiago Martins: 3,5
Fazia um jogo nota 6,0 até perder pelo alto no lance do gol.

Edu Dracena: 5,5
Longe do nível que acostumou a torcida, mas dessa vez não comprometeu.

Victor Luis: zero
Um jogador profissional não pode falhar como ele falhou no lance do escanteio que resultou no gol. A bola era só dele, dominada, mas ele conseguiu dar uma canelada para a linha de fundo. Bizarro. Erro grosseiro que custou o empate e depois todo descontrole emocionar da equipe.

Felipe Melo: 4,5
Exagerou em alguns lances. Se fosse expulso pelo carrinho em Vinícius Júnior, não seria absurdo.

Artur: –
Entrou melhor dessa vez, mas produziu pouco para receber uma nota.

Bruno Henrique: 6,5
Foi o melhor do Palmeiras no primeiro tempo. Sentiu o ritmo na etapa final.

Moisés: 5,5
Primeiro tempo disperso. Cresceu no segundo, quando criou duas boas chances para o 2 a 0.

Hyoran: 4,5
Pior jogo dele desde que ganhou oportunidade.

Lucas Lima: 5,0
Foi melhor que Hyoran. Criou uma boa chance de gol (chute de média distância que não entrou por pouco).

Dudu: 5,5
Começou o jogo muito bem, chamando a responsabilidade e participando do gol, mas depois caiu de rendimento e foi o símbolo do time no descontrole emocional.

Willian: 6,5
Fez o gol que abriu o placar e perdeu outras boas chances, uma imperdoável, no começo da etapa final.

Papagaio: –
Está sendo queimado. Só entra em fria.

Roger Machado: 5,0
O time foi muito bem nos dois começos de tempo, mas se perdeu sozinho, como foi contra o Ceará, Sport, Chapecoense, Botafogo… O treinador não pode ser isentado por isso. Todos têm culpa. Que a pausa da Copa sirva para a equipe se acertar taticamente e emocionalmente.