Rondônia - 17 de agosto de 2018
Home / Notícias / Sudeste / São Paulo / Governo viabiliza 1,6 mil unidades habitacionais em Santos | São Paulo

Governo viabiliza 1,6 mil unidades habitacionais em Santos | São Paulo

  • imagem14-06-2018-05-06-28
  • imagem14-06-2018-05-06-29
  • imagem14-06-2018-05-06-29
  • imagem14-06-2018-05-06-30
  • imagem14-06-2018-05-06-30
  • imagem14-06-2018-05-06-31
  • imagem14-06-2018-05-06-31
  • imagem14-06-2018-05-06-32
  • imagem14-06-2018-05-06-32
  • imagem14-06-2018-05-06-33
  • imagem14-06-2018-05-06-33
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-33Governador durante a entrega de 40 U.H.’s do Conjunto Habitacional Santos O
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-35Entrega de 120 moradias do Conjunto Habitacional Caneleira IV
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-37Márcio França acompanhou as famílias na entrega das casas em Santos
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-39As moradias foram viabilizadas pela CDHU, que investiu R$ 12 milhões nos empreendimentos
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-41Programa Morar Bem, Viver Melhor beneficiou 160 famílias com as novas moradias
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-43O residencial incorpora as melhorias estabelecidas como diretrizes de qualidade da Secretaria de Estado da Habitação
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-45Empreendimento foi entregue com infraestrutura completa, pavimentação, paisagismo, redes de água, esgoto e elétrica
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-48O governo autorizou ainda a construção de 716 moradias em quatro novos empreendimentos na Baixada Santista
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-50O governador assinou autorizo para a CDHU repassar recursos financeiros no valor de R$ 19,6 milhões ao município de Santos
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-52Cerca de 2,5 mil pessoas serão beneficiadas com os novos conjuntos habitacionais
  • Download São Pauloimagem14-06-2018-05-06-54Desde 2015, a região administrativa da Baixada Santista recebeu 4.050 Habitações de Interesse Social (HIS)

Nesta quarta-feira (13), dia em que transferiu sua sede da capital paulista para o Paço Municipal de Santos, o governador do Estado de São Paulo Márcio França, o secretário da Habitação, Nelson Baeta, e o presidente da CDHU, Humberto Schmidt, entregaram 40 novas moradias do Conjunto Habitacional Santos O e 120 do Conjunto Habitacional Santos U – Caneleira IV.

As moradias foram viabilizadas pela CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), que investiu R$ 12 milhões nos empreendimentos, por meio do programa Morar Bem, Viver Melhor. Os conjuntos também possuem recursos do PAC (Programa de Aceleração de Crescimento), do governo federal.

“Anunciamos obras importantes, 1.600 casas novas, nós autorizamos aqui hoje”, disse França. Na ocasião, também foram assinados convênios para a construção de quatro novos empreendimentos e autorizado o repasse de recursos para desapropriação de terreno para novas moradias.

As unidades entregues contam com piso cerâmico em todos os cômodos, azulejos até o teto no banheiro e nas paredes da cozinha. O residencial incorpora as melhorias estabelecidas como diretrizes de qualidade da Secretaria de Estado da Habitação e será entregue com infraestrutura completa, pavimentação, paisagismo, redes de água, esgoto e elétrica.

Novos convênios

O São Paulo, em parceria com a CDHU, autorizou a construção de 716 moradias em quatro novos empreendimentos na Baixada Santista. São eles: Bairro Caruara (132 uhs – primeiro conjunto habitacional para famílias moradoras da área de risco continental de Santos), Bairro Vila Mathias (144 uhs – atendimento das famílias cadastradas pelo Conselho Municipal da Habitação), Bairro Caneleira – Bananal (140 uhs – atendimento de área de risco socioambiental) e Bairro Jabaquara (300 uhs – atendimento de área de risco socioambiental). Aproximadamente 2,5 mil pessoas serão beneficiadas com os novos conjuntos habitacionais.

Desapropriação de terreno e construção de moradias

O governador assinou autorizo para a CDHU repassar recursos financeiros no valor de R$ 19,6 milhões ao município de Santos com o objetivo de desapropriar o terreno “Estradão”, propriedade da Caixa Econômica Federal, para a construção de aproximadamente 800 unidades. As moradias serão destinadas a famílias oriundas de áreas de risco socioambiental e beneficiarão cerca de 2,8 mil pessoas.

Trabalho desde 2015

Na região administrativa da Baixada Santista, foram 4.050 Habitações de Interesse Social (HIS) entregues pelo governo do Estado; outras 1.389 estão com obras em andamento. As unidades entregues e em obras representam R$ 412 milhões em investimentos pelos dois braços operacionais da Habitação – CDHU e Agência Casa Paulista.