Rondônia - 15 de novembro de 2018
Home / Notícias / Esportes / Vasco da Gama / Ex-funcionária do Vasco Glória Brochado divulga vídeo em que reafirma denúncias sobre eleições do clube

Ex-funcionária do Vasco Glória Brochado divulga vídeo em que reafirma denúncias sobre eleições do clube

Para quem achava que a política do Vasco tinha dado uma acalmada, está muito enganado. Nesta terça-feira, uma declaração pegou todos os cruz-maltinos de surpresa. Uma ex-funcionária de Eurico Miranda, Glória Brochado, explicou como funcionava o sistema de fraude do antigo presidente, durante as eleições.

”Tinha o meu título de sócio geral. Logo que entrei, comprei e pagava direitinho. Em 2016, comecei a economizar para fazer o aniversário da minha filha e parei de pagar, automaticamente foi cancelado após os três meses. Fiz mais para frequentar o Calabouço. Quando quis retornar, em 2017, fui na secretaria e falei que queria voltar, pois estava chegando o verão”.

”Um funcionário pegou meu CPF, alegou que o sócio geral acabou, mas que me daria um outro título e que teria que votar no Eurico. Perguntei quanto pagava e ele disse que já estava quitado até dezembro. Errei em ter aceitado, mas só fiquei sabendo como funcionava as eleições depois que fui demitida”, disse ela, que mostrou como essa situação prejudicou sua vida pessoal.

”Foi o pior Natal da minha vida. ​Tomei nojo do Eurico. Liguei sete vezes para ele. Minha filha era atleta e estudava lá, foi demitida comigo. Tiraram ela do colégio, fiquei sem ter onde colocar. Passei um perrengue. Ligava para ele e a resposta que me deu foi: ‘O que você quer que eu faça?’. O Álvaro também me ligou. Mas alguém se lembrou de mim? Muito me empenhei para reeleger ele. Mas, se muito me expus para ele, agora vou me expor para defender o Vasco. E não tenho medo não”, comentou.

Fonte: 90min