Rondônia - 20 de julho de 2018
Home / Notícias / destaque / Aumenta o número de crianças brasileiras detidas nos EUA

Aumenta o número de crianças brasileiras detidas nos EUA

Ministério das Relações Exteriores já contabiliza 58 crianças brasileiras detidas nos Estados Unidos e separadas dos pais, presos pela polícia de migração daquele país. O caso mobiliza os 10 cônsules brasileiros nos Estados Unidos, que têm reunião prevista com o chanceler Aloysio Nunes Ferreira na semana que vem. O ministro decola na quarta, dia 4, para Washington, para avaliar pessoalmente a situação.

“Vou encontrar com eles para fazer avaliação do que está acontecendo em cada uma das jurisdições e ver como a administração do Itamaraty pode contribuir para ajudá-los nesse trabalho”, declarou Nunes à Agência Brasil. O presidente Michel Temer chegou a sugerir ao vice-presidente americano, Mike Pence, em recente visita ao Brasil, o envio de um avião da FAB para facilitar o retorno das crianças.

A complexidade jurídica da situação é agravada pelo fato de que, tanto a liberação, quanto o eventual retorno das crianças dependem da legislação de cada estado, além da determinação central do governo americano. Também para visita é necessária autorização prévia.Os menores estão em 16 abrigos espalhados pelo país, nas jurisdições de Chicago, Houston, Los Angeles, Miami e Nova Iorque e já foram contactados por representantes dos consulados brasileiros.

O acompanhamento do caso mobiliza também o embaixador do Brasil em Washigton, Sérgio Amaral, que atua diretamente na questão. Amaral participou da sugestão de envio do avião do governo brasileiro aos EUA, e estimulou a rápida resposta diplomática a partir de Brasília, incluindo a viagem de Aloysio Nunes Ferreira para ressaltar a importância que o Brasil dá ao caso.

Fonte: R7