Rondônia - 19 de julho de 2018
Home / Notícias / Sudeste / São Paulo / São Paulo firma parceria com Sergipe na área de Segurança Pública | São Paulo

São Paulo firma parceria com Sergipe na área de Segurança Pública | São Paulo

Os governos de São Paulo e Sergipe firmaram, na manhã desta quinta-feira (12), parceria para integração e compartilhamento de informações do sistema, que integra bancos de dados das polícias paulistas. Autoridades dos dois Estados estiveram presentes na assinatura do convênio.

Com vigência até 1° de dezembro de 2018, podendo ser prorrogado até 60 meses, o acordo visa o compartilhamento de dados de interesse da Segurança Pública com o Estado de Sergipe, para a prevenção do crime e da violência e a atuação institucional de ambos.

Implantado em 2014 em São Paulo, o sistema de prevenção e investigação criminal promove a integração de bancos de dados e câmeras de diferentes instituições para monitorar áreas específicas, veículos e suspeitos para auxiliar as polícias no combate ao crime em todo o Estado.

No sistema, estão conectados dados do Registro Digital de Ocorrência (RDO), Instituto de Identificação (IIRGD), Sistema Operacional da Polícia Militar, Sistema de Fotos Criminais (Fotocrim), além de dados de veículos e de Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Atualmente, há 5.600 leitores de placas em pelo menos 2.390 pontos de todo o Estado de São Paulo. Desse total, há 2.764 leitores de placas em ao menos 1.046 locais da Capital, onde a Secretaria da Segurança firmou parceria com a prefeitura para compartilhamento de dados de equipamentos da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

Outras parcerias

Atualmente, há parceria com 56 municípios que integram o sistema no Estado de São Paulo. Também há mais três convênios com o Sindicato Empresas Compra Venda Locação Administração Imóveis SP (Secovi), Associação Alto de Pinheiros e Associação Comercial de Jundiaí.

Além destes, no começo deste ano, o governo de Rondônia demonstrou interesse na integração e compartilhamento de informações do sistema, que também foi apresentado aos estados de Amazonas, Paraíba e Rio de Janeiro.