Rondônia - 25 de setembro de 2018
Home / Notícias / Sudeste / São Paulo / Fatec Pompeia disponibiliza curso de Big Data no Agronegócio | São Paulo

Fatec Pompeia disponibiliza curso de Big Data no Agronegócio | São Paulo

Com foco em formar profissionais capazes de manusear e interpretar grandes volumes de dados, a fim de gerar conhecimentos específicos para a tomada de decisões, a Fatec Pompeia disponibiliza o curso de Big Data no Agronegócio.

O conceito e a aplicação de Big Data vêm despontando como a próxima revolução na agricultura. Na prática, trata-se da possibilidade de gerar, coletar, armazenar e analisar enormes quantidades de dados e, a partir destes, fornecer conhecimentos relevantes para tomadas de decisões.

O tecnólogo em Big Data no Agronegócio é o profissional que estará capacitado para: criar infraestrutura de armazenamento de dados na nuvem; desenvolver aplicativos para web e dispositivos móveis; processar e analisar grandes volumes de dados.

Inovação

A graduação em Big Data foi ineditamente iniciada no país, em 2017, sendo oferecida pelo Centro Paula Souza na Fatec Pompeia. A elaboração ocorreu em parceria com a Fundação Shunji Nishimura de Tecnologia, com apoio de empresas como Intel, Totvs e SAP.

De acordo com o superintendente da Fundação, Alberto Honda, o mercado passou a solicitar um profissional com formação mais específica. “Precisávamos montar uma continuação do curso de mecanização”, diz, destacando que são complementares.

 

Conteúdo

O conteúdo se baseia em cursos de mestrado oferecidos na Finlândia e nos Estados Unidos. Entre as disciplinas que serão estudadas estão internet das coisas, data mining, arquiteturas cloud e inteligência artificial. “Mais uma vez, o Centro Paula Souza apresenta um curso inovador, desenvolvido em parceria com o mercado de trabalho”, afirma a diretora-superintendente do CPS, Laura Laganá.

“Este curso forma profissionais altamente capacitados e colocará a agricultura brasileira em um novo patamar de conhecimento tecnológico”, completa Laganá.

Um dos idealizadores do curso de Big Data é o professor Tsen Chung Kang, da Fatec Pompeia e diretor de novos negócios da Jacto, empresa que produz máquinas agrícolas. Entusiasmado, ele acredita que os novos profissionais ajudarão a fazer com que a agricultura entre de vez na era do conhecimento.

“Os primeiros setores a integrarem a era do conhecimento foram as instituições financeiras de Wall Street. Depois vieram as lojas de varejo e de e-commerce e, mais recentemente, os setores de logística e energia. Agricultura é uma das últimas áreas e certamente vai demandar essa mão de obra”.

Utilização de drones

Cada vez mais presentes no mundo do agronegócio, os veículos aéreos não tripulados (Vants) tornaram-se uma nova ferramenta de ensino da Fatec Pompeia.

Desenvolvidos para atuar inicialmente em ações militares, os Vants aos poucos foram ganhando outros mercados e agora têm seu potencial explorado pelos estudantes do curso superior de Tecnologia em Big Data do Agronegócio.

Para o coordenador do curso, Luis Hilário Tobler Garcia, a agricultura é um dos setores da economia que apresentam as maiores possibilidades de geração de novas tecnologias aliadas à utilização de drones. “Há uma demanda crescente por sistemas informatizados para elaboração de diagnósticos específicos que auxiliem o produtor rural na tomada de decisões”, afirma.

Os novos drones já começaram a ser operados no primeiro semestre em que o curso entrou em atividade, na elaboração do projeto integrador dos alunos. Trata-se de uma tarefa multidisciplinar que desafia os estudantes a resolverem problemas em equipe como forma de construir o conhecimento.