Rondônia - 24 de setembro de 2018
Home / Notícias / Esportes / Palmeiras / Mistão do Verdão atropela o Vitória em Salvador com gols de Deyverson e Dudu | Palmeiras

Mistão do Verdão atropela o Vitória em Salvador com gols de Deyverson e Dudu | Palmeiras

Centroavante marcou 2 vezes; com resultado positivo, time de Felipão se consolida no pelotão de frente do Brasileirão.

DivulgacaoNovamente com o “time alternativo”, o Palmeiras iniciou o jogo melhor que o Vitória, que luta para se afastar da zona de rebaixamento. Aos 6 minutos Dudu cobrou uma falta fechada demais, e o goleiro, por segurança, espalmou. Aos 8 Lucas Lima ajeitou para Hyoran bater firme, mas nas mãos de Ronaldo.

A primeira investida dos mandantes foi aos 9 minutos: após jogada pelo lado esquerdo do ataque, a bola sobrou para Rodrigo Andrade finalizar da entrada da área; Wverton estava atento e fez a defesa. Na sequência o Verdão abriu o placar: Dudu virou o jogo para Marcos Rocha ajeitar de cabeça para Deyverson chegar chutando: 1 a 0.

Em vantagem, o time de Felipão diminuiu um pouco a intensidade. Aos 19 minutos novamente Rodrigo Andrade chutou de média distância, e desta vez Weverton espalmou; no rebote Marcos Rocha dividiu na bola com Neílton e levou a melhor, afastando o perigo. Aos 21 Hyoran bateu rasteiro, cruzado, exigindo de Ronaldo uma boa defesa.

Aos 29 minutos Dudu cobrou escanteio na cabeça de Deyverson, que estava livre dentro da área: 2 a 0. Mesmo pressionado pela torcida, o Vitória tentou reagir. Aos 31 minutos Yago experimentou de longe, a bola desviou e saiu em escanteio, que não resultou em nada. Aos 34 foi a vez de Erick tentar a sorte de fora da área, sem sucesso.

O terceiro gol alviverde não saiu aos 38 minutos graças a Ronaldo: Bruno Henrique bateu forte, ele deu rebote nos pés de Marcos Rocha, que parou em duas defesas seguidas do goleiro; na terceira tentativa, de Dudu, o goleiro evitou um golaço por cobertura. Na sobra Deyverson ainda tentou de cabeça, aí foi a vez de Renato salvar a equipe baiana. Foi a última jogada de perigo do movimentado primeiro tempo.

A etapa final começou com o Palmeiras sendo prejudicado pela arbitragem. Aos 2 minutos Rodrigo Andrade entrou de sola em Gustavo Gómez; lance para vermelho direto, mas nem amarelo – que ele já tinha, recebeu. Com a bola rolando, a primeira boa oportunidade do segundo tempo aconteceu aos 12 minutos: Lucas Lima lançou Dudu, o camisa 7 invadiu a área e bateu colocado rente ao travessão.

Logo na sequência Dudu não desperdiçou: Marcos Rocha cruzou para Lucas Lima, que no domínio fintou seu marcador, mas o atacante “desarmou” o camisa 20, driblou o zagueiro e tocou com categoria na saída do goleiro: 3 a 0. Aos 28 minutos Ronaldo evitou o quarto em cobrança de falta de Victor Luis.

Tranquilo no jogo, o Verdão seguiu criando chances de gol. Aos 20 minutos Dudu deu bom passe para Marcos Rocha, que ajeitou para Hoyran bater torto; Deyverson tentou aproveitar no meio do caminho mas o goleiro fez a defesa. No rebote era só Victor Luis empurrar para a rede, mas ele conseguiu isolar.

Aos 26 minutos Hyoran fez boa jogada individual girando pra cima do marcador e arriscando da entrada da área, à esquerda do goleiro. Aos 27 Felipão promoveu a primeira alteração: Dudu deu lugar a Diogo Barbosa. Exatos 10 minutos depois foi a vez de Marcos Rocha ser substituído por Mayke.

Nos últimos 10 minutos, com o Vitória entregue, o Verdão ficou tocando a bola à espera do apito final do juiz. A vitória leva o Palmeiras 33 pontos; o time segue em sexto, mas já com uma grande vantagem para o sétimo (7 pontos).

O Verdão volta a campo pelo Brasileirão às 21h de quarta-feira (22/08) para enfrentar o Botafogo, no Allianz Parque.

Notícias relacionadas:

Notas de Vitória 0 x 3 Palmeiras
Ficha técnica de Vitória 0 x 3 Palmeiras