Rondônia - 25 de setembro de 2018
Home / Notícias / Esportes / Corinthians / Adriana faz dois, Érika brilha e Corinthians abre vantagem na semifinal do Paulista Feminino

Adriana faz dois, Érika brilha e Corinthians abre vantagem na semifinal do Paulista Feminino

1.8 mil
visualizações

8 comentários


Comunicar erro

Corinthians enfrentou o Taubaté pelas semifinais do Paulista Feminino

Corinthians enfrentou o Taubaté pelas semifinais do Paulista Feminino

Foto: Divulgação / Corinthians

O Corinthians deu o primeiro passo rumo à final do Campeonato Paulista Feminino neste domingo. Invicta há um ano, a equipe de Arthur Elias enfrentou o Taubaté fora de casa, no Estádio Joaquinzão, pelo jogo de ida das semifinais do Estadual. O placar terminou 3 a 0 para as corinthianas, com gols da zagueira Érika, que estreou entre as titulares, e a atacante Adriana, duas vezes.

Na semifinal, o time feminino do Corinthians entrou em campo com: Tainá; Érika, Mimi, Pardal e Yasmim; Gabi Zanotti, Grazi e Katiuscia; Adriana, Marcela e Millene. O técnico Arthur Elias ainda acionou durante o duelo: Diany, Nenê, Cacau, Ana Vitória e Camila.

O segundo tento de Adriana, vale destacar, foi o 100º gol do Corinthians em 34 partidas disputadas nesta temporada. A equipe do Parque São Jorge é dona da melhor campanha do Paulista. Foram 18 vitórias e um único empate em 19 jogos disputados até aqui.

Leia também: Corinthians busca primeira vitória sob comando de Jair Ventura; saiba tudo

Como resultado, o Corinthians somou três pontos na semifinal do Paulista e ganha a vantagem do empate para seguir para a grande final. A decisão acontece no próximo sábado, às 15h, no Estádio Alfredo Schürig, a Fazendinha, no Parque São Jorge. A equipe que garantir a vaga enfrenta Rio Preto ou Santos pelo título do Estadual.

Contudo, antes disso, o Corinthians enfrenta a Ponte Preta nesta quarta-feira, também às 15h, na Fazendinha, pelo jogo de volta das quartas de final do Brasileiro. As corinthianas venceram na ida por 1 a 0.

Como foi o jogo, Meu Timão?

Mesmo visitante, o Corinthians buscou o caminho do gol logo nos primeiros minutos de jogo. Marcela recebeu um toque na área, que terminou nas mão da goleira do Taubaté. O domínio seguiu com as corinthianas e Grazi ganhou uma chance na entrada da área, livre de marcação, aos oito minutos. A bola, contudo, passou por cima do travessão.

A partida seguiu acirrada, com chances para ambos os lados. Aos 15 minutos, Millene cruzou para a área e Érika cabeceou para o gol. O lance seguiu com perigo por cima da goleira Yolanda, que se esticou e conseguiu fazer a defesa.

O gol veio três minutos mais tarde, com outro escanteio bem cabeceado por Érika, que desta vez acertou o gol. Foi o terceiro gol da zagueira com a camisa alvinegra, em seu primeiro jogo como titular.

O Taubaté tentou responder com outro cruzamento para a área, que Tainá afastou para longe. A goleira voltou a trabalhar aos 25 minutos do primeiro, quando se adiantou para cortar uma jogada perigosa de Ariel. O lance acabou com falta e cartão amarelo para a corinthiana. A cobrança de bola parada do rival não trouxe perigo, e o Timão seguiu superior no duelo.

Aos 33 minutos de jogo, mais uma bola na trave. Yasmin conseguiu espaço pela esquerda e Yolanda defendeu. O lance seguiu vivo e Grazi mandou uma bomba no travessão. Mariana se viu sem opções e acabou cortando de qualquer jeito na área.

Jogando por uma bola, o Taubaté ainda teve uma chance de bola parada na sequência. Porém, o chute de Thalita seguiu direto para fora. Fim do primeiro tempo, 1 a 0 para o Corinthians.

Zagueira Érika foi estreante na partida e abriu o placar para o Corinthians

Reprodução/Youtube

Mesmo com a vitória parcial, Érika ainda queria um Corinthians mais incisivo na semifinal. “A gente pode sair mais. Sabemos da qualidade que o Corinthians tem, que o grupo tem. Então, sabemos que podemos dar muito mais que isso, não só na parte tática, mas na técnica também”, disse antes de seguir para o vestiário.

A zagueira, claro, não deixou de comemorar o gol marcado neste domingo. “Feliz por isso, óbvio. Toda jogadora sonha com isso, almeja isso, então é importante. Mas, acho que o grupo é o mais importante no momento para mim. Independente do gol ou não, o resultado que vai nos favorecer no nosso objetivo”, completou a autora do gol do Timão.

O confronto seguiu agitado no segundo tempo. O Corinthians conseguiu outra chance com Pardal, que Yolanda defendeu de peito. A equipe alvinegra conseguiu outra chance aos cinco minutos, com Marcela, que chutou para fora da intermediária. Na sequência, Millene ficou sozinha na área após assistência de Adriana. A finalização acabou indo para fora.

A intensidade alvinegra rendeu o segundo gol na semifinal, aos 15 minutos do segundo tempo. Adriana construiu uma jogada e deu para Milene, que devolveu com categoria. A atacante não perdoou e chutou sem chance para a goleira. A jogada se repetiu segundos mais tarde, e Adriana marcou o seu segundo tento no jogo e o 100º gol do Corinthians na temporada.

Mesmo com a larga vantagem no placar, as meninas do Timão não recuaram diante do rival. A equipe visitante voltou a colocar perigo em falta cobrada pelo da área, por Marcela. A jogada foi afastada pela zaga do Taubaté, que tentou o contra-ataque, mas foi parada pela bem postada defesa do Corinthians.

O Taubaté seguiu tentando uma infiltração, mas só deu Corinthians. A vitória de 3 a 0 se manteve até o apito final, e a equipe de Arthur Elias deixou o Joaquinzão a um empate de uma vaga na final do Paulista Feminino.

Ficha técnica de Taubaté 0 x 3 Corinthians

Competição: Campeonato Paulista FemininoLocal: Joaquim de Morais Filho, Taubaté, SPData: 16 de Setembro de 2018 (domingo)Hor&aacuterio: 10h00 (de Brasília)Árbitro: Rodrigo SantosAssistentes: Claudemir de Araújo Silva e Amanda Pinto Matias Gols: Érika, Adriana (Corinthians) Cartões amarelos: Tatá (Taubaté); Tainá e Yasmim (Corinthians)

TAUBATÉ: Yolanda; Evelyn, Hericka, Tatá, Thalita, Sabrina (Yoná), Tainá (Milena), Mariana (Luana), Rafa Marques, Mylena Carioca e Ariel.Técnico: Arismar Junior

CORINTHIANS: Tainá; Érika, Mimi (Cacau), Pardal e Yasmim; Gabi Zanotti, Grazi (Diany) e Katiuscia (Kamilla); Adriana, Marcela (Nenê) e Millene (Ana Vitória).Técnico: Arthur Elias

Veja mais em:
Corinthians feminino e Crônica.