Rondônia - 10 de dezembro de 2018
Home / Notícias / Nordeste / Maranhão / Flávio Dino prestigia homenagem a Reynaldo da Fonseca na Assembleia Legislativa – Maranhão

Flávio Dino prestigia homenagem a Reynaldo da Fonseca na Assembleia Legislativa – Maranhão

imagem11-10-2018-22-10-25

imagem11-10-2018-22-10-26

Governador Flávio Dino em homenagem ao ministro Reynaldo Soares da Fonseca. (Foto: Divulgação)

O governador Flávio Dino acompanhou a cerimônia de outorga da Medalha Manoel Beckman ao ministro do Superior Tribunal de Justiça, o maranhense Reynaldo Soares da Fonseca. A solenidade foi realizada na manhã desta quinta-feira (11), na Assembleia Legislativa, e contou com a presença de diversos parlamentares, desembargadores, juízes e autoridades ligadas ao poder judiciário.

Mais alta comenda do poder legislativo do Maranhão, a entrega da Medalha Manoel Beckman foi proposta pelos deputados Alexandre Almeida e Othelino Neto, em reconhecimento à trajetória do ministro Reynaldo da Fonseca no meio jurídico e por seus relevantes serviços prestados à sociedade maranhense.

“Em nome de todo o povo do Maranhão, nós nos sentimos orgulhosos por toda essa trajetória exitosa. O ministro Reynaldo possui a capacidade de conciliar, pairar sobre as divergências, procurar pontos de convergência. A nossa nação precisa muito disto. O nosso povo era marcado pelo traço da cordialidade, e estamos vendo cotidianamente atos de conflito, de beligerância. Por isso precisamos evidenciar essa marca do ministro”, reconheceu o governador Flávio Dino.

Para o governador Flávio Dino, a solenidade sublinha o compromisso que todos os presentes possuem pela causa democrática. “Nosso país lutou muito para ter uma constituição e leis democráticas, e é papel do Poder Judiciário garantir a proteção, a integridade e autoridade desse sistema jurídico que protege a todos, protege a liberdade de todos os brasileiros. E o ministro Reynaldo da Fonseca é um grande defensor do direito e da liberdade em nosso país”, garantiu.

Ministro do STJ desde 2015, Reynaldo da Fonseca possui vasto trabalho na justiça federal. “Recebo esta homenagem com a máxima alegria e não tenho dúvidas em compartilhá-la com todos que construíram a minha história. Nesses anos em que trabalhei na justiça federal, mais de 600 mil conciliações foram homologadas nesta região continental. Isso significa que mais de R$ 13 bilhões ingressaram nos municípios de 14 unidades da federação, sendo R$ 1,5 bilhão no Estado do Maranhão em função da atuação dos juizados especiais federais. Por trás desses números, têm vidas humanas, e isso é que merece as homenagens e todas as honrarias do parlamento maranhense”, afirmou.

Durante o seu discurso, Reynaldo da Fonseca defendeu o resgate de valores da ética, do direito e da democracia. “Estamos vivendo uma tentativa de transformação social não-alicerçada na fraternidade. Precisamos de um sistema de justiça que acompanhe as transformações sociais, mas que ao mesmo tempo garanta os direitos humanos e promova fraternidade”, defendeu.

Um dos autores da homenagem, o deputado Othelino Neto ressaltou a pluralidade do parlamento maranhense, que foi unânime em conceder a homenagem. “É muito bom ver um conterrâneo maranhense ter um currículo extenso de bons serviços prestados ao nosso estado e ao nosso país. Essa homenagem foi aprovada pelos 42 deputados, mas é do povo do Maranhão”, disse.

Perfil

Nascido em São Luís em 1963, Reynaldo Soares da Fonseca é formado em Direito pela Universidade Federal do Maranhão (1985). Iniciou a carreira jurídica como servidor do Tribunal de Justiça do Maranhão (1982-1985). Foi procurador do estado do Maranhão (1986-1992), juiz de direito do Distrito Federal e Territórios (1992-1993) e juiz federal da 1ª Região (1993-2009).

Em 2009, foi promovido a desembargador do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, de onde só deixou o cargo em 2015, após ser nomeado para o cargo de ministro do Superior Tribunal de Justiça.

Comentários

Comentários