Rondônia - 14 de novembro de 2018
Home / Notícias / Política / Deputado eleito, Vinicius Poit quer priorizar combate a privilégios de parlamentares

Deputado eleito, Vinicius Poit quer priorizar combate a privilégios de parlamentares

O futuro deputado Vinicius Poit (Novo-SP), 32 anos, quer focar o seu mandato no combate a regalias e privilégios de parlamentares. Formado em administração e pós-graduado em coaching, ele foi eleito com 207 mil votos.

Divulgação/Facebook
Deputados S   Z   Vinicius Poit
Poit defende incentivos ao empreendedorismo

“Precisamos de mais eficiência para o governo, o serviço público, começando pelo nosso próprio gabinete”, disse. Poit afirmou ser contra eventual proposta de aumento salarial para deputados e prometeu reduzir pela metade o uso da cota parlamentar (que vai de R$ 30,7 mil a R$ 45,6 mil conforme o estado) e da verba para contratação de assessores (R$ 106,8 mil).

Conheça o valor do salário de um deputado e demais verbas parlamentares

Empreendedorismo
Poit defendeu mudanças na legislação para dar mais condições de o empreendedorismo prosperar. “Menos imposto, simplificação da carga tributária, tecnologia para facilitar a abertura de empresas, diminuir encargos trabalhistas.”

Criadas essas condições, argumenta ele, a economia vai voltar a se movimentar, com maior geração de renda. “Mais importante ter um time que executa rápido do que ter uma baita ideia que não vai para frente. Posso agregar minha experiência do empreendedorismo ao debate”, comentou.

Vinicius Poit fundou, ao lado de outros colegas, o Recruta Simples, plataforma on-line de recrutamento rápido de funcionários para pequenas empresas.

Diálogo
O novo deputado espera conseguir conversar com os demais parlamentares para entender melhor o funcionamento da Câmara. “Tenho a meta de entrar em contato com todos os deputados eleitos até o final deste mês, de ter um trânsito bom, aprender”, destacou. No início do mandato, Poit afirmou que vai procurar ouvir mais do que falar, a fim de negociar votações de forma eficaz.

RenovaBR
A participação nos cursos do movimento RenovaBR mostrou-se essencial para a preparação eleitoral, de acordo com Poit. “Foi fundamental para minha formação, agora vamos ter módulo de mandato. O melhor foi a convivência e o diálogo com pessoas que pensam diferente”, apontou.

Lançado em 2017, o grupo defende a renovação política e tem como objetivo “preparar novas lideranças para entrar na política”. O movimento ofereceu cursos de janeiro a junho para 133 pessoas, que passaram por processo seletivo. Nas aulas, foram abordados temas como economia, saúde e educação.

Conforme documentação entregue à Justiça Eleitoral, Poit declarou ter R$ 2,89 milhões em bens, entre eles um apartamento (R$ 2,25 milhões) e R$ 276 mil em aplicações de renda fixa.