Rondônia - 19 de novembro de 2018
Home / Notícias / Esportes / Santos FC / Mais da metade do elenco profissional do Santos FC é formada de Meninos da Vila

Mais da metade do elenco profissional do Santos FC é formada de Meninos da Vila

Não é segredo algum afirmar que o Santos FC é um dos clubes que mais revela jogadores para o futebol mundial. Entra ano e sai ano, a fábrica de raios continua funcionando a todo vapor. Nesta temporada 2018, dos 31 atletas que fazem parte do elenco profissional do Santos FC, 17 foram formados no Departamento de Futebol de Base, além do meio-campista Diego Pituca, que chegou ao Clube em junho de 2017, como reforço do extinto Santos B. Confira a lista com a posição e os nomes dos atletas que estão no profissional e foram formados na Vila:

Goleiros

Vladimir, João Paulo e John.

Zagueiros

Gustavo Henrique, Lucas Veríssimo e Robson Bambu.

Lateral

Daniel Guedes

Meio-Campistas

Alison, Léo Citadini, Diego Pituca, Guilherme Nunes e Gabriel Calabres.

Atacantes

Gabriel, Arthur Gomes, Rodrygo, Yuri Alberto e Kaio Jorge.

imagem08-11-2018-12-11-08

O experiente meio-campista Renato, que hoje além de jogador é Executivo de Futebol, conhece bem todo o trabalho que é desenvolvido no processo de integração dos Meninos da Vila com o time principal. “No período em que eu estive aqui, e depois retornei, percebo que o Santos FC é um exemplo a ser seguido como clube formador. Os treinadores das nossas categorias de base não têm medo de lançar jogadores. É um processo diário que não ocorre apenas nos dias de jogos. É no treinamento, na maneira de se relacionar com os companheiros, de enfrentar os adversários, tudo isso faz parte do trabalho de formação. Os garotos possuem uma grande perspectiva em se tornarem um jogador profissional, e os profissionais da base trabalham minuciosamente em cima disso, justamente para que esse objetivo não seja frustrado de maneira precoce. Então com certa frequência a molecada tem a oportunidade de subir para treinar com o profissional. E quando o jogador chega em definitivo, já tem uma certa maturidade e confiança em relação ao grupo, o que facilita muito no desenvolvimento, e principalmente no aproveitamento desses atletas”.

imagem08-11-2018-12-11-08

“Hoje mais da metade do nosso elenco é formado por pratas da casa. Eu não posso de maneira alguma afirmar que é um número exato para trabalhar, ainda mais se tratando do futebol. Mas eu acredito que a mescla com jogadores experientes é muito importante para esse processo de integração. Hoje o Santos tem o Cuca como treinador, um cara que além de conhecer muito do futebol, sabe muito bem trabalhar com os meninos da base. A gente sabe que o poder aquisitivo no futebol brasileiro hoje é escasso, são poucos os clubes que conseguem montar um elenco forte e competitivo, sem contar com a base. A gente espera continuar revelando mais e mais jogadores, como o Santos FC vem fazendo ao longo dos anos”, também afirmou Renato.

imagem08-11-2018-12-11-08

Marco Antônio Maturana, Gerente Executivo do Departamento do Futebol de Base, enxerga esses números com muito otimismo. “Por onde passamos, sempre somos questionados quanto ao segredo que o Santos FC tem em revelar. Na verdade, não existe mágica. Aqui não temos medo de utilizarmos os jovens atletas. Desde cedo nossos meninos da base vão trabalhando com os profissionais até adquirir experiência. Se paramos para pensar, do ano 2000 até agora, as revelações são muitas: Robinho, Diego, Alex, André Luiz, Wesley, André, Rafael, Alan Patrick, Felipe Anderson, Danilo, Alex Sandro, Vladimir, Neymar, Ganso, Geuvânio, Alison, Gabriel, recentemente o Daniel Guedes, Arthur Gomes, e agora o Rodrygo, Yuri Alberto. Estamos muito ansiosos para próxima temporada. Não tenho dúvida que iremos colher bons frutos, assim como foi em 1978, 2002, 2010. Esse é o Santos FC. Uma fábrica de craques”.

 

(Texto: Maikon Camargo e Fotos: Ivan Storti/Santos FC)