Rondônia - 19 de novembro de 2018
Home / Notícias / Esportes / São Paulo FC / “Está claro que não estamos gostando deste momento” – SPFC

“Está claro que não estamos gostando deste momento” – SPFC

O empate com o Corinthians por 1 a 1 na noite deste sábado (10), após ter superioridade numérica durante todo o segundo tempo depois da expulsão de Araos, não foi o resultado desejado pelo Tricolor no clássico válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Durante a entrevista coletiva, o técnico Diego Aguirre avaliou o Majestoso deste final de semana. “Não fizemos um bom jogo, isso é claro. Não gostei do jogo que fizemos. Se, antes do jogo, tivéssemos falado em um empate, talvez tivesse sido bom, mas não nas condições que acabamos o jogo, com um a mais”, avaliou o comandante, que completou.

“Não tivemos o controle do jogo em nenhum momento nem criamos opções para aproveitar esse homem a mais. A verdade é que entendo que podem criticar o time, porque também não gostei. Temos sido irregulares. Estão acontecendo momentos bons e ruins, ganhando ou não. Está claro que não estamos gostando deste momento. Queremos ser mais protagonistas para alcançar os objetivos que queremos”, disse o treinador.

Com o empate no Majestoso, o São Paulo se manteve na quarta colocação, agora com 58 pontos. Após o clássico, o Tricolor já terá mais um compromisso pela frente na competição nacional: na noite da próxima quinta-feira (15), às 19h, no Morumbi, a equipe receberá o Grêmio em confronto direto na tabela.

“Vamos continuar trabalhando para pensar no jogo de quinta-feira e voltar a vencer. Faltam só 20 dias para acabar o campeonato e termos uma ideia de onde estaremos. Não posso separar as últimas rodadas das primeiras. A tabela é uma só e, hoje, estamos no G4. Ainda estamos brigando. Estamos numa posição muito clara de classificar para a Libertadores, direto ou não”, opinou Aguirre, que acrescentou.

“Não estamos jogando como podemos e temos que melhorar para ganhar os jogos que faltam. Entendo as críticas. As lesões afetaram diretamente a forma de jogar. Quando tudo dava certo, os jogadores estavam bem. São jogadores importantes e não estamos conseguindo encontrar o futebol que estávamos mostrando anteriormente. Não é uma desculpa, mas eles eram jogadores importantes para o esquema”, finalizou.