Rondônia - 11 de dezembro de 2018
Home / Notícias / Política / Encontro de tecnologia do Interlegis treina especialistas de legislativos de todo o país

Encontro de tecnologia do Interlegis treina especialistas de legislativos de todo o país

Começou nesta segunda-feira (19) a décima edição presencial do Grupo Interlegis de Tecnologia (EnGitec), promovido pelo Senado. O tema do encontro deste ano é “Parlamentos do Futuro”. Salas da Secretaria de Tecnologia da Informação (Prodasen) e do Interlegis, programa voltado à capacitação de servidores dos legislativos, receberam três oficinas: a do Portal Modelo, a do Sistema de Apoio ao Processo Legislativo (SAPL) e a de e-Democracia. Participaram 28 profissionais de tecnologia da informação, secretários e diretores de 25 câmaras municipais e assembleias legislativas.

A Oficina de Portal Modelo, ministrada pelo servidor José Bonifácio Góis, tratou do uso dos recursos oferecidos pelo programa. Os alunos analisaram cada um dos portais das 25 câmaras participantes e trocaram informação sobre como poderiam melhorar o sistema. Eles optaram por criar um portal que poderia funcionar como “banco de referências” para as outras casas.

— Nós viemos aprofundar o que já sabemos e absorver o máximo de novas informações possíveis. Além de implementar na nossa Câmara, pretendemos passar as informações para as casas próximas — afirmou André Moraes, técnico de informática da câmara municipal de Sinop (MT).

Segundo ele, a parceria do legislativo municipal com o Interlegis tem sido muito produtiva.

— Conhecemos o programa há 7 anos. No início, as pessoas ficaram desconfiadas. Elas achavam que ninguém podia oferecer tantos benefícios gratuitamente. Eu insisti e hoje somos referência para as Câmaras vizinhas.

Já o treinamento de SAPL, a cargo do técnico do Interlegis Adalberto Oliveira, focou nas novas funcionalidades da ferramenta. Segundo o servidor Anderson Sossela, auxiliar de secretaria da câmara municipal da Lapa (PR), a tecnologia está totalmente presente no cotidiano das pessoas, refletindo, assim, nas atividades das câmaras.

— O tema é ‘Parlamento do Futuro’. Eu acho que aprofundar o entendimento das ferramentas tecnológicas é fundamental para termos um Parlamento modernizado e transparente no futuro. É isso que a sociedade quer. Estamos nos empenhando para aprender a manusear a nova versão do SAPL — afirmou Sossela.

Diego Cunha, analista legislativo da Câmara dos Deputados, ministrou a oficina de e-Democracia, ferramenta com objetivo de aumentar a transparência e a participação popular nos processos legislativos. Adriana Chaves, gerente legislativa da Câmara Municipal de Piraí (PR), participou da oficina.

— Agora podemos contar com mais uma ferramenta para disponibilizar ao cidadão. Aqui podemos compartilhar soluções, trocar ideias e tirar muitas dúvidas.  As aulas estão sendo muito boas — concluiu.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)