Rondônia - 18 de dezembro de 2018
Home / Notícias / destaque / Vídeos mostram chegada de pilotos de Rondônia após resgate no meio da mata

Vídeos mostram chegada de pilotos de Rondônia após resgate no meio da mata

Vídeos que circulam pelas redes sociais mostram a chegada dos pilotos o vilhenense Marcelo Balestrin e John Cleiton Venera a Cuiabá, quatro dias após os dois terem desaparecido após a queda de uma aeronave de pequeno porte. Eles foram resgatados com vida por equipes da Força Aérea Brasileira (FAB) e encaminhados ao Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (PSMC).

Em uma das imagens é possível ver um dos pilotos, não identificado, sendo trazido pelos militares da Força Aérea Brasileira (FAB) até uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Marcelo e John Cleiton foram encaminhados para o PSMC.

Em outro vídeo, familiares agradecem os militares que participaram da operação de resgate, que durou quatro dias. Equipes do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) também estiveram na procura pelas vítimas durante estes quatro dias. No início, o resgate se mostrou bastante complicado, devido as condições do tempo e a mata fechada na região.

Segundo familiares, os pilotos estão com machucados e quebraram as pernas. Porém, os dois estão conscientes. Detalhes sobre o atual estado de saúde devem ser repassados em breve.

Encontrados

Os dois pilotos que estavam desaparecidos desde a última sexta-feira (30), identificados como Marcelo Balestrin e John Cleiton Venera, foram localizados nesta terça-feira (04), pela Força Aérea Brasileira (FAB), em Mato Grosso. A informação foi confirmada pelo Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). Eles estão vivos.

Conforme as informações iniciais, os dois foram localizados pela Força Aérea Brasileira (FAB), que realizava as buscas nesta terça-feira, com o auxílio de duas aeronaves.

A aeronave teria decolado de Pimenta Bueno (RO) e teria como destino Santo Antônio do Leverger, na sexta-feira (30).

Segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), o avião é um modelo 182P, Cessna Aircraft, fabricado em 1972, pertencente a Wilson Cheris Vera e que está com o certificado de aeronavegabilidade cancelado, em situação irregular.

Fonte:Olhar Direito

Vídeos mostram chegada de pilotos de Rondônia após resgate no meio da mata