30.4 C
Ariquemes
domingo, 24 março 2019, 11:12

Escola Murilo Braga é destaque nacional no Prêmio Betinho Atitude Cidadã

imagem11-03-2019-15-03-30

O projeto Por um Mundo Melhor abordou três desafios, a adoção de animais (gatos e cachorros), doação de plantas ornamentais e frutíferas e doação de cestas básicas




A Rede Nacional de Mobilização Social (COEP) e o LABetinho – Coppe/UFRJ  Tecnologia e Cidadania anunciam os vencedores da Jornada Cidadania nas Escolas 2018, Prêmio Betinho Atitude Cidadã, realizada em São Paulo. A diretora da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Murilo Braga, professora Gracijames Paiva Braga, informou que, na modalidade Nacional, Rondônia foi destaque com a segunda pontuação, concorrendo com dezenas de escolas do Brasil.

imagem11-03-2019-15-03-33

Estudantes coletando roupas para doação às famílias carentes

Segundo as regras estabelecidas no regulamento, são reconhecidas as equipes com maior pontuação e as equipes com ações de maior destaque. Estas estão distribuídas, respectivamente, em duas categorias do Prêmio Betinho: Escola em Ação e Atitude Cidadã. Cada uma dessas categorias se subdividem em duas modalidades: Semiárido e Nacional.

A Escola Murilo Braga apresentou o projeto Por um Mundo Melhor para concorrer ao Prêmio Betinho Atitude Cidadã. O projeto abordou três desafios como atitude cidadã e que envolveu os professores, estudantes e a comunidade de Porto Velho. Adoção de animais (gatos e cachorros), doação de plantas ornamentais e frutíferas e doação de cestas básicas para famílias carentes  foram os três desafios que a escola enfrentou e que conquistou importante vitória no disputado prêmio nacional.

As equipes selecionadas na categoria Prêmio Betinho Atitude Cidadã, que reconhece três ações de maior destaque, realizadas como atividade proposta no Desafio 3 da Jornada, por modalidade, são:

Na modalidade Nacional, por ordem alfabética:
Cidadania Presente, do município de Pedro Leopoldo/MG;
Por um Mundo Melhor, de Porto Velho/RO;
e Semeando Valores, Colhendo Atitudes, de Contagem.

Na modalidade Semiárido, por ordem alfabética:
Guerreiros em Ação, do município de Surubim/PE;
Itação, de Lagoa de Itaenga/PE;
e Reflexão na Ação, de São José de Piranhas/PB.

As equipes com maior pontuação na categoria Prêmio Betinho Escola em Ação, na contabilização geral dos pontos da Jornada Cidadania nas Escolas, por modalidade são:

Na modalidade Semiárido:
Santa Cruz Cidadã, do município de Mata Grande/AL (1º lugar);
Mobilização e Cidadania, de Água Branca/AL (2º lugar);
e Firmino Verde, de Mauriti/CE (3º lugar).

Na modalidade Nacional:
Semeando Valores, Colhendo Atitudes, do município de Contagem/MG (1º lugar);
Liga dos Jovens Cidadãos, de Belo Horizonte/MG (2º lugar);
e Cidadania Presente, de Pedro Leopoldo/MG (3º lugar).

A participação das equipes na Jornada Cidadania nas Escolas terminou em 21 de dezembro de 2018. Ao todo, 58 escolas se inscreveram e 34 equipes chegaram até o final da Jornada: nove equipes de Alagoas; sete de Minas Gerais; seis equipes da Paraíba e de Pernambuco; cinco do Ceará; e uma equipe de Rondônia (Escola Murilo Braga).

As equipes finalistas cumpriram os desafios propostos com o objetivo de fortalecer o conhecimento e as capacidades de jovens estudantes dos ensinos Fundamental II (do 6º ao 9º ano) e Médio; e valorizar a reflexão, o debate, a organização e a ação.

O Desafio 3, por exemplo, consistiu em realizar uma ou mais ações cidadãs e recebeu o registro de iniciativas como a adoção de animais; atividades esportivas; coleta, descarte adequado do lixo e reciclagem; educação sobre drogas, saúde sexual, violência; mobilidade urbana; oficinas profissionalizantes; mesa redonda com refugiados; respeito ao próximo e às diferenças; visita a centros de convivência com idosos; voluntariado.

Houve também ações relacionadas ao ambiente escolar, que buscaram melhorias como: maior acesso ao livro e à leitura, arborização, criação ou revitalização de hortas, cuidados com o patrimônio escolar, limpeza e ampliação de espaços, transporte escolar.

Para subsidiar as ações da Jornada, foram ofertados 3 cursos: “Diagnóstico: Pesquisar, interpretar”, “Mobilização em 7 Passos” e “Saberes, Cultura e Tecnologia”, com 722, 398 e 325 usuários inscritos, respectivamente, somando 1.445 participações.

Leia mais:

 Escola Murilo Braga é a única finalista do Norte na Jornada Cidadania nas Escolas

 

Últimas notícias: