22.1 C
Ariquemes
sábado, 23 março 2019, 21:28

Governo anuncia redução do ICMS do combustível para aviação e retorno dos voos diurnos a partir de junho « Acre

Evento realizado pela secretaria de Turismo também discutiu retorno dos voos internacionais




Demonstrando compromisso com a população que se locomove por meio de transporte aéreo, o Governo do Estado do Acre anunciou a redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) no combustível de aviação para empresas nacionais que operarem durante o dia nos aeroportos de Rio Branco e Cruzeiro do Sul.

O percentual cobrado sobre o querosene, que antes era de 25%, passa a ser de apenas 3%. Para a secretária de Estado de Turismo, Eliane Sinhasique, o esforço da administração pública atende uma demanda de passageiros que pediam o retornos dos voos diurnos.

“Essa conquista é muito importante para a chegada e saídas de pessoas ao Acre e outros destinos porque há uma reclamação muito grande dos passageiros por conta que os voos são feitos somente durante a madrugada”, destacou.

A empresa Gol Linhas Aéreas já confirmou a retomada dos voos diurnos para o Acre a partir do dia 1º de junho. Pela nova programação, o voo 2046 parte de Brasília às 9h30, com chegada às 10h55 em Rio Branco, sempre às segundas-feiras, terças, quartas, sextas-feiras e sábados.

Passageiros para Cruzeiro do Sul desembarcam às 12h35, no aeroporto de Cruzeiro. Para a segunda maior cidade do Acre, o voo 1769 deixa Rio Banco às 11h30.

Já de Cruzeiro do Sul a Rio Branco, o voo 1770 deixa o Vale do Juruá às 13h05 com chegada a Rio Branco às 14h15.
O voo 2047, de Rio Branco para Brasília, decola da capital acreana às 14h45, com chegada à capital federal às 19h45, também às segundas-feiras, terças, quartas, sextas-feiras e sábados.

A solenidade realizada em um hotel de Rio Branco, nesta sexta-feira, 15, contou com a presença do vice-governador, Major Rocha, da secretária de Estado de Turismo e Empreendedorismo, Eliane Sinhasique, do chefe da Casa Civil, José Ribamar Trindade, empresários locais e representantes da Polícia Federal, Receita Federal e Infraero.

imagem16-03-2019-00-03-29

A solenidade foi realizada nesta sexta-feira, 15, (Foto: Odair Leal)

Governo elabora proposta para não cobrar ICMS no combustível da aviação de empresas que voarem entre cidades do Norte do país e retorno de voos internacionais

Durante o evento, a secretária Eliane Sinhasique adiantou que o Governo do Estado deve apresentar um Projeto de Lei que estabelece o fim da cobrança do ICMS sobre o querosene da aviação para empresas brasileiras que realizarem voos regulares do Acre para outros estados da Região Norte também durante o dia.

“Isso vai ser muito importante para a interligação de Rondônia, Amazonas, Pará e demais estados com o Acre. Consequentemente, abre a possibilidade de intercâmbio com o Peru e o retorno da nossa rota internacional”, pontua.

Segundo Sinhasique, uma companhia aérea regional do Amazonas já sinalizou interesse em trazer voos para Rio Branco e Puerto Maldonado, no Peru. Sobre o assunto, a gestora aproveitou a oportunidade para entregar ao chefe da Casa Civil, José Ribamar Trindade, um relatório sobre os entraves burocráticos que impedem a internacionalização dos aeroportos locais.

O empresário e presidente do Conselho Estadual de Turismo, Rizomar Araújo, disse que o empenho da atual gestão em trazer de volta voos para outros países demonstra o interesse em alavancar o setor turístico local.

imagem16-03-2019-00-03-31

O governo deve apresentar um Projeto que estabelece o fim da cobrança do ICMS sobre o querosene da aviação para empresas que realizarem voos regulares do Acre ( Foto: Odair Leal)

“Esse é um sonho da população e dos empresários que trabalham com turismo no Acre. Com este retorno dos voos internacionais, turistas europeus, asiátiacos e americanos vão ter a opção de passar por aqui e, consequentemente, aquecer nossa economia”, frisou.

O Acre e suas potencialidades turísticas

Localizado no coração da Amazônia, a maior floresta tropical do mundo, o Acre, naturalmente, atrai olhares e desperta a curiosidade de turistas do mundo inteiro.

Com 87% da cobertura vegetal preservada, o turismo ambiental é um forte produto a ser explorado em várias regiões acreanas. Na região do Parque Estadual do Chandless, em Manoel Urbano, a observação de aves raras tem atraído centenas de turistas, anualmente.

Com suas trilhas e cachoeiras, o Parque Nacional da Serra do Divisor, local mais ocidental do Brasil, é outro atrativo para quem deseja conhecer a beleza e a biodiversidade da região.

O misticismo e preservação das culturas tradicionais dos festivais indígenas são atrações a parte que encantam pessoas de vários países. Somente no feriado de Carnaval deste ano, turistas movimentaram R$ 150 mil em uma aldeia do povo Manchineri, no Jordão.

imagem16-03-2019-00-03-34

O turismo ambiental é um forte produto a ser explorado em várias regiões acreanas ( Foto: Arquivo Secom)

Destaque também para o turismo religioso. O Novenário de Nossa Senhora da Glória, em Cruzeiro do Sul, é a segunda maior festa católica da Amazônia. Cerca de 100 mil pessoa participam das festividades, todos os anos.

O vice-governador, Major Rocha, disse que o Acre tem papel de destaque com suas características peculiares voltadas para o turismo. Para o gestor, este é o momento de fomentar o setor e aproveitar as potencialidades locais.

“O retorno dos voos diurnos é a prova que o novo governo está comprometido em investir e dar as condições necessárias para fortalecer o turismo acreano. Certamente, isso vai ter reflexo não só no fluxo turístico, mas também no número de passageiros e o valor das passagens. Precisamos que o setor privado invista na infraestrutura hoteleira, de restaurantes para que os turistas possam ter uma excelente experiência ao conhecer o Acre”, pontuou.


thumb_up

Últimas notícias: