fbpx
24 C
Porto Velho
sábado, 22 fevereiro 2020, 03:33
Site de apostas
Site de apostas
Site de apostas

Métodos de pagamento online populares no Brasil

[bloqueador2]

Existem diversos métodos de pagamento pelo mundo e, em alguns casos, são bem específicos do país, da cultura local e do desenvolvimento financeiro nacional.

No caso do Brasil, de acordo com pesquisa realizada em 2018 pelo governo, o meio de pagamento preferido dos brasileiros é o dinheiro; mas a adesão de cartões de débito e crédito tem sido crescente com o surgimento de bancos online e outras plataformas digitais.

A realidade é a seguinte: muitos brasileiros ainda não tem conta em bancos e, por isso, não têm acesso à cartões, o que faz o dinheiro ter alta adesão, mas não exclui o sucesso dos pagamentos online entre àqueles que são bancarizados, principalmente entre os mais jovens.

Confira as formas preferidas de pagamento online do brasileiro.

Opções de pagamento disponíveis

O avanço de tecnologias na área financeira trouxe para o mercado novas empresas que atuam como meios de pagamento e ajudou a expansão do mundo digital, principalmente de lojas online, que podem oferecer mais acesso ao facilitar, e variar, os meios de pagamento.

Alguns dos tipos de pagamentos aceitos no Brasil são os cartões de crédito e de débito, a transferência bancária e carteiras online.

O cartão de crédito é o meio online mais usado, principalmente pela facilidade que o parcelamento oferece, e também pela força das bandeiras Visa e Mastercard. A MasterCard, inclusive, é quem emite os cartões de grandes bancos digitais, como o Nubank (que é sucesso entre os brasileiros).

Outros meios populares são:

  • PayPal: A empresa pioneira de pagamentos online já conta com mais de 200 milhões de clientes pelo mundo, e é famosa também no Brasil, com quase 4 milhões de usuários. Uma das principais vantagens do PayPal são as medidas extras de segurança que tomam, especialmente em indústrias sensíveis como a de jogos de apostas online. Todo casino online deve passar por um processo especial de autorização, para garantir legalidade e segurança antes de aceitar PayPal. Portanto, apenas cassinos online seguros e confiáveis podem usar o Paypal como forma de pagamento. É por isso que os casinos online que aceitam PayPal não são tão comuns quanto você deseja.
  • PagSeguro: A fintech faz parte do grupo UOL e começou oferecendo apenas serviços de pagamento em máquinas físicas de cartão de crédito e débito; com a expansão dos serviços, passou a oferecer processamento de vendas online para as lojas.
  • Cielo: A empresa é conhecida por ser forte no mercado de máquinas de cartão de crédito e débito. Para ficar dentro da concorrência, criaram o Cielo Checkout, opção para e-commerces e outras plataformas que queiram vender online.
  • Mercado Pago: Esta solução é confiada pelos brasileiros em especial porque nasceu do site Mercado Livre, e processava pagamentos apenas para o marketplace. Posteriormente, passou a ser uma solução de processamento online muito usada.
  • Moip: Ainda pequena, porém já com 300 mil clientes e ganhando cada vez mais mercado no Brasil.

Opções online como Pagar com Google e Apple Pay ainda não são tão fortes no país. As tecnologias Visa Checkout e Masterpass têm sido opções adicionadas pouco a pouco em parte das grandes lojas online.

Conclusão

Especialmente para quem gosta de fazer compras ou jogar na internet, o pagamento online é uma ótima opção, pois empresas da área financeira precisam de certificações de segurança para processar pagamentos, ou seja, seus dados sensíveis estão protegidos durante a compra.

E mesmo o dinheiro ainda sendo o método preferido dos brasileiros, fazer pagamentos online tem se tornado algo comum, pois além de cômodo, se feito corretamente, é extremamente seguro.

Até o boleto, que antigamente era pago de maneira offline apenas, hoje já pode ser quitado direto no internet banking (somente é necessário saber o número do documento). Os brasileiros estão cada vez mais adeptos às tecnologias e a tendência é que os meios online dominem.

[/bloqueador2]

Últimas notícias: