Reeducandos do CDP de Pinheiros fazem aula especial de ioga | São Paulo

[bloqueador2]

O pátio do Centro de Detenção Provisória (CDP) Pinheiros II foi palco para uma aula especial de ioga com o mestre indiano Sanjay Kumar, em comemoração ao Dia Internacional da Ioga, comemorado na última sexta-feira (21)..

Realizada no início do mês de junho, a atividade contou com a participação de 25 presos da unidade que, desde o ano passado, praticam regularmente ioga. Eles fazem parte de um projeto criado em maio de 2018 em parceria com as Secretarias da Administração Penitenciária (SAP) e de Relações Internacionais, além do Consulado Geral da Índia. “Quem pratica Yoga diariamente, em 15 dias já nota os benefícios, tanto físicos como mentais”, afirma o professor Sanjay Kumar.

Para a diretora de saúde da unidade, Eliane Souza, os praticantes vêem resultados na saúde e no convívio social. “As dores crônicas dos reeducandos melhoraram, assim como a insônia, asma, angústia e até mesmo o relacionamento com familiares, ou seja, essa questão emocional. Alguns aqui tomavam psicotrópicos e pararam de usar”, afirma.

Os presos contam que aderir a ioga só teve pontos positivos. “Saindo daqui quero ir direto para uma cachoeira e fazer a ioga sozinho, já aprendi bem”, diz J.C, de 42 anos. “Faço tudo para esquecer qualquer tipo de problema neste momento. Eu chorava bastante e estava em depressão direto. Agora minha vida mudou bastante”, conta ele.

Aos 28 anos e com histórico de problemas na coluna, outro reeducando confirma os benefícios da aula: “As dores passaram. Quando sair, vou continuar seguindo isso”, conta.

[/bloqueador2]