fbpx
25 C
Porto Velho
quarta-feira, 21 outubro 2020, 00:51
Site de apostas
Site de apostas

Como funciona a Nasdaq, uma das maiores bolsas de valores do mundo

Fonte: Pixabay

Uma das siglas mais citadas nas notícias relacionadas ao mercado financeiro é Nasdaq. Mas o que ela significa e por que é tão importante para a economia mundial?

A Nasdaq (National Association of Securities Dealers Autometed Quoations)é uma das bolsas de valores norte-americanas e lista as empresas de tecnologia.

É por meio dela que é possível comprar ações de grandes companhias, como Facebook, Apple, Amazon, Netflix e Google.

A Nasdaq é composta ainda por outras empresas de eletrônica, informática e biotecnologia, reunindo cerca de 3.300 negócios desses setores.

Criada no começo da década de 70, é a principal concorrente da Bolsa de Nova York (NYSE), sendo que todas as suas ações são negociadas eletronicamente, não possuindo prédio físico, como a concorrência.

Por que a Nasdaq é tão importante?

O mercado de ações como um todo tem um papel fundamental no desenvolvimento da economia mundial.

É por meio da venda de papéis que as companhias conseguem verba para financiar pesquisas, desenvolver produtos e ampliar atuação.

A via é de mão dupla. O investidor ganha uma porcentagem dos dividendos da empresa, e esta obtém verba para continuar crescendo.

Não fosse a abertura dos seus capitais na Nasdaq, Bill Gates e Steve Jobs, por exemplo, não teriam conseguido erguer o império tecnológico que construíram e a humanidade não estaria desfrutando dos seus feitos.

A Nasdaq não funciona com pregão presencial, com toda a agitação e gritaria vistas nos telejornais e nos filmes. Suas negociações são feitas eletronicamente, por meio do sistema chamado “delaer’s market”.

Nas bolsas tradicionais, como a NYSE e a brasileira Bovespa (Bolsa de Valores do Estado de São Paulo), os investidores negociam diretamente entre si por meio de um book de ofertas.

Já na Nasdaq é diferente. As ações são negociadas por meio de um negociador (dealer), que, neste caso, é um formador de mercado.

O formador de mercado é pessoa jurídica credenciada pela Nasdaq, que se compromete a manter as ofertas de compra e venda de papéis de forma regular e contínua durante a sessão de negociação. É ele quem fornece a liquidez dos valores mobiliários.

É possível investir na Nasdaq?

Uma dúvida frequente é se é possível brasileiro investir em ações internacionais listadas na Nasdaq sem precisar ter conta em banco internacional.

A resposta é sim. Dá para apostar nas gigantes do setor de tecnologia diretamente do Brasil.

O primeiro passo é abrir uma conta em alguma corretora de valores. Feito isso, há duas maneiras de seguir: diretamente na Nasdaq ou por meio de BDR (Brazilian Depositary Receipt).

Para investir diretamente na Nasdaq é preciso que a corretora de valores escolhida opere nos EUA. Neste caso, pode ser exigida a comprovação de residência no exterior.

Com a conta aberta, será necessário enviar a remessa de dinheiro a ser investida para a conta da corretora.

Esse tipo de operação implica no pagamento do IOF (Imposto Sobre Operação Financeira) de 0,38% para as contas de titularidade diferente e 1,1% as de mesma titularidade.

Os BDRs, por sua vez, estão disponíveis na Bovespa e funcionam como um fundo de investimentos. Ou seja, o investidor não se torna acionista, mas tem direito aos dividendos da empresa. As ações pertencem à corretora e tudo é negociado em reais.

A vantagem é que o sistema conta com um gestor que direciona os investidores, indicando o melhor momento para fazer a operação e as empresas mais rentáveis.

No entanto, os BDRs não são para o investidor comum, é preciso que a pessoa física ou jurídica se declare um investidor qualificado.

Isso significa que é necessário comprovar possuir mais de R$ 1 milhão investido no mercado financeiro. Outro meio para se tornar um investidor qualificado é prestar um exame de qualificação técnica, que garante esse posicionamento no mercado.

Site de apostas

Últimas notícias: