fbpx
24 C
Porto Velho
quarta-feira, 21 outubro 2020, 02:48
Site de apostas
Site de apostas

Trânsito – Detran Rondônia encerra Semana Nacional de Trânsito; campanhas educativas continuam em todo o Estado – Rondônia

imagem25-09-2020-18-09-38

Semana Nacional de Trânsito, termina nesta sexta-feira (25), mas ações educativas continuam em todo o Estado

A Semana Nacional de Trânsito (SNT) finaliza nesta sexta-feira (25), mas as ações educativas no Estado de Rondônia vão continuar. Instituída pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) em 1997, conforme o artigo 326, é comemorada anualmente no período de 18 a 25 de setembro em todo o país, com ações realizadas pelos órgãos do Sistema Nacional de Trânsito, com o objetivo de conscientizar a sociedade para um trânsito mais seguro e humanizado para todos, sejam motoristas, passageiros, motociclistas, ciclistas ou pedestres.

O diretor geral do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) Rondônia, coronel Neil Aldrin Faria Gonzaga, alertou para que cada cidadão faça a sua parte no trânsito, sempre respeitando o direito do outro, se colocando no lugar da outra pessoa. “Tendo uma mudança de comportamento no trânsito, será possível evitar acidentes e mortes, seja nas vias urbanas, rurais e nas rodovias federais, onde ocorrem o maior numero de acidentes com mortes”.

Coronel Gonzaga explica que o tema da Campanha Educativa de Trânsito de 2020 é “Perceba o risco, proteja a vida”, que tem por objetivo chamar a atenção quanto aos riscos que o trânsito oferece aos usuários de forma geral, seja ao pedestre, ciclística ou ao condutor de veículo automotor. “No trânsito não adianta você estar certo, se mesmo assim se envolver em um acidente, o usuário tem que estar preparado para todas as situações que podem ocorrer naquele momento, onde existem vários atores envolvidos”, afirmou o diretor geral do Detran Rondônia.

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) definiu temas a serem trabalhados no trânsito, no mês de setembro, como: “Usuários vulneráveis” e “Respeito no trânsito”. As equipes que fazem educação de trânsito no Estado desenvolveram ações educativas abordando os temas, sempre evitando aglomerações, tendo em vista o risco da disseminação da pandemia da Covid-19.

Servidores da Ciretran de Ariquemes e de outras localidades foram para os pontos mais movimentados do município, com faixas e cartazes, onde atores mandavam suas mensagens aos usuários que passavam pelo local.

Abordando a vulnerabilidade dos pedestres, ciclistas e motociclistas os quais estão mais expostos ao risco no trânsito, caso sofram acidente, ressalta-se a fragilidade desse público, tendo em vista o grande número de fatalidades, principalmente de motociclistas envolvidos em acidentes em Rondônia, que representa 50% dos casos registrados em 2019.

No mês de Outubro, o tema a ser trabalhado será: “Ver e ser visto”, alertando aos usuários que durante a noite existe maior risco de acidentes envolvendo os usuários vulneráveis pela dificuldade de visibilidade. O Detran Rondônia estará trabalhando campanhas educativas que devem apontar para a importância de ver e ser visto no trânsito, com enfoque especial aos motociclistas, ciclistas e pedestres.

Em Novembro, o tema será: “Os impactos sociais dos acidentes”, trabalhando o tema do Dia Mundial em Memória às Vítimas do Trânsito, que será no terceiro domingo do mês. A ideia é fazer uma reflexão sobre como as lesões e sequelas psicológicas e sociais impactam a vida das vítimas e de seus familiares depois do acidente.

imagem25-09-2020-18-09-42

Neil Gonzaga, destaca a importância de cada cidadão fazer seu papel no trânsito de forma consciente

E no mês de Dezembro, o tema abordado será: “Álcool e condução”, em decorrências das festas de fim de ano, onde as pessoas fazem maior consumo de bebida alcóolica. Serão realizadas ações integradas com a fiscalização.

O coronel Neil Gonzaga, agradeceu o Governo de Rondônia pelo apoio às ações que o Detran realiza em todos os municípios e distritos, onde em 2019 registrou redução 4,06% de mortes por acidentes de trânsito se comparado a 2018. O número caiu de 394 óbitos em 2018 para 378 em 2019.

Entretanto, os motociclistas são as maiores vitimas com 50% dos óbitos, se relacionado ao número de mortes envolvendo condutores de carro, ciclistas e pedestres. Das 378 mortes, 156 ocorreram em acidentes ocorridos nas rodovias federais no Estado, principalmente a BR-364.

O número total de acidentes também registrou uma queda de 14.176 em 2018 para 13.702 em 2019 em todo o Estado de Rondônia, sendo que dos 13.702 acidentes ocorridos no ano passado, 9.848 teve o envolvimento de motocicleta, o que representa 63,77% dos casos de acidentes.

O índice de mortos no trânsito por grupo de habitantes no Brasil, conforme prevê a meta do Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (Pnatrans), criado pela Lei n. 13.614/18 é de 4,52 % e o índice do Estado de Rondônia é de 3,72%, bem abaixo do índice nacional, “a nossa meta é continuar trabalhando para reduzir ainda mais o número de acidentes e mortes no trânsito em Rondônia”, afirmou Neil Gonzaga.

Fonte: www.rondonia.ro.gov.br/detran-rondonia-encerra-semana-nacional-de-transito-campanhas-educativas-continuam-em-todo-o-estado

Site de apostas

Últimas notícias: