Ministra vai ‘in loco’ à presídio e constata o óbvio; fotos

A ministra Cármen Lúcia, presidente do STF e do CNJ foi à Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, visitar um presídio para constatar uma coisa muito óbvia no Brasil, a superlotação do sistema penitenciário.

Fotos:

30948538662_04cf670d3f_z
30948541772_7d4e5ed72f_z
30948543622_6f1ba3e65e_z
31090963515_1ea23e4e61_z
30976722401_6d15132720_z
30978414581_fc361f85af_z
30978415541_eb11423edc_z